adsense

sexta-feira, 26 de agosto de 2011

Atestados Médicos



Não será  falta ao serviço a ausência do empregado por motivo de doença ou acidente do trabalho devidamente atestada. Em caso de incapacidade para o trabalho, o trabalhador deverá apresentar atestado médico para justificar sua falta e garantir o direito ao recebimento de sua remuneração referente aos dias não trabalhados.



1 - Incapacidade para o trabalho

Durante os primeiros 15 (quinze) dias consecutivos de afastamento do trabalho por motivo de doença, cabe a empresa pagar ao empregado o seu salário.
Após esses 15 (quinze) dias, respeitando a carência prevista na legislação previdenciária, caberá ao trabalhador entrar com o pedido do auxílio-doença à Previdência Social.

Referências: "caput" do art. 75 do Decreto nº 3.048/1999.

2 - Atestados médicos

A apresentação de atestado ao empregador deve observar essa ordem de preferência:
a) médico da empresa ou por ela designado e pago;
b) médico do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS);
c) médico do Serviço Social da Indústria (SESI) ou do Serviço Social do Comércio (SESC), conforme o caso;
d) por médico de repartição federal, estadual ou municipal;
e) médico do sindicato a que pertença o empregado;
f) médico a escolha do empregado no caso de ausência dos anteriores na respectiva localidade onde trabalha.
Ao serviço médico da empresa ou ao mantido por esta última mediante convênio compete abonar os primeiros 15 (quinze) dias de ausência ao trabalho.
Cabe a empresa que dispuser de serviço médico próprio ou em convênio, a avaliação médica e o abono das faltas correspondentes aos 15 (quinze) primeiros dias de afastamento do empregado.

Referências: "caput" e § 2º do art. 6º da Lei nº 605/1949; "caput", §§ 1º e 2º do art. 12 do Decreto nº 27.048/1949; Súmulas nº 15 e 282 do TST.

3 - Regras a para os médicos

O atestado médico é parte do ato médico, sendo seu fornecimento direito do paciente, assim, não podendo incorporar os seus honorários.

4 - Código Internacional de Doenças (CID)

Os médicos podem somente fornecer atestados com o diagnóstico codificado (CID) quando por justo motivo,  do exercício de dever legal, da solicitação do próprio paciente ou de seu representante legal quando menor de idade.
No caso de solicitação do CID feito pelo paciente, ele assinará dando o aval para a publicação do código.

Referências:: art. 5º da Resolução CFM nº 1.658 de 13 de fevereiro de 2002, com redação dada pela Resolução CFM nº 1.851, de 18.08.2008.

5 - Profissionais habilitados

Somente aos médicos e aos odontólogos, estes no âmbito de sua profissão, é facultada a prerrogativa do fornecimento de atestado de afastamento do trabalho.

Referências: art. 6º da Resolução CFM nº 1.658 de 13 de fevereiro de 2002, com redação dada pela Resolução CFM nº 1.851, de 18.08.2008.

6 - Requisitos para a elaboração do atestado médico

Na elaboração do atestado médico, deverá observar os seguintes procedimentos:
a) especificar o tempo concedido de afastamento ao trabalho, que será necessário para a recuperação do paciente;
b) estabelecer um diagnóstico, quando este for autorizado pelo paciente;
c) colocar os dados de maneira legível;
d) identificar-se, mediante assinatura e carimbo ou número de registro no CRM.

Referências: "caput" e inciso III do art. 6º da Lei nº 5.081/1966; "caput" do art. 3º da Resolução CFM nº 1.658 de 13 de fevereiro de 2002, com redação dada pela Resolução CFM nº 1.851, de 18.08.2008, Portaria MPS nº 3.291/1984.

7 – O Atestado médico para a Perícia médica

Quando o atestado for solicitado pelo paciente para a perícia médica, deverá ser observado o seguinte:
a) o diagnóstico;
b) os resultados dos exames complementares;
c) a conduta terapêutica;
d) o prognóstico;
e) as conseqüências à saúde do paciente;
f) o provável tempo de repouso estimado necessário para a sua recuperação, que complementará o parecer fundamentado do médico perito, a quem cabe legalmente a decisão do benefício previdenciário, tais como: aposentadoria, invalidez definitiva, readaptação;
g) registrar os dados de maneira legível;
h) identificar-se como emissor, mediante assinatura e carimbo ou número de registro no CRM.

Referências: "caput" e inciso III do art. 6º da Lei nº 5.081/1966; art. 3º da Resolução CFM nº 1.658 de 13 de fevereiro de 2002, com redação dada pela Resolução CFM nº 1.851, de 18.08.2008.

8 - Falsificação do Atestado

Será considerado como falta grave o atestado médico falso. Há quem entenda ser devida a rescisão do contrato por justa causa sob a alegação de ato de improbidade.
Por se tratar de penalidade grave, a aplicação da justa causa deve estar embasada em provas concretas, uma vez que o empregado poderá levar o caso para a o Poder Judiciário.

Referências: "caput" e alínea "a" do art. 482 da CLT.

9 - Acompanhamento de familiares ao médico

Não existe qualquer regra na legislação que obrigue ao empregador a abonar faltas do empregado, por acompanhamento de familiares ao médico. Porém, nada impede que a empresa conceda o abono dessas faltas.
Convenções coletivas podem dar o direito ao abono dessas faltas, situação em que o empregador estará obrigado a cumprir por força da Constituição Federal de 1988.

Referências: art. 7º da Constituição Federal de 1988.

10 - Férias - Reflexo

Não terá direito a férias o empregado que, no curso do período aquisitivo tiver percebido da Previdência Social prestações de acidente de trabalho ou de auxílio-doença por mais de 6 (seis) meses, embora descontínuos.
Nesta caso, iniciará um novo período aquisitivo quando o empregado retornar ao trabalho.

Referências: inciso IV do art. 133 da CLT. 

471 comentários:

«Mais antigas   ‹Antigas   201 – 400 de 471   Recentes›   Mais recentes»
eduardo luis disse...

Boa Noite Katia Dutra.

Fique tranquila a empresa não pode recusar seu atestado médico, ela lhe pagará 15 dias e encaminhará você para o INSS para o auxilio doença.

Até mais e fique com deus...

eduardo luis disse...

Boa noite Nine.

Provavelmente estes atestados é referente aos dias que ficou internada.

Até mais...

diana fontynelly disse...

BOA NOITE,ESTOU GRAVIDA SO QUE MINHA CARTEIRA NAO ESTA ASSINADA E EU NAO ESTOU PODENDO TRABALHAR DEVIDO DORES NA BARRIGA FUI AO MEDICO E ELE ME DEU 14 DAS DE ATESTADO ,SO QUE A EMPRESA ONDE EU TRABALHO NAO ESTA QUERENDO ACEITAR,ELA PODE FAZER ISSO?

Vanessa Volci disse...

Boa tarde

Estava afastada pelo INSS durante 40 dias, pois perdi meus bebes, estava com 5 meses de gestação...
Voltei a trabalhar no dia 27/08 e no dia 30 não passei muito bem e minha medica me deu atestado de 15 dias para fazer exames e para eu ficar mais calma...
A empresa vai me pagar esses 15 dias?

eduardo luis disse...

Bom dia Diana.

Se você não tem carteira assinada, então o empregador aceita se ele quiser seu atestado. Exija o registro em carteira, assim você assegura seus direitos.

Até mais e fique com Deus...

eduardo luis disse...

Bom dia Vanessa.

A empresa tem que lhe pagar esse atestado.

Até mais e fique com Deus...

Unknown disse...

Oi Eduardo. Adorei seu Blog e sua disposição para ajudar.

Preciso de uma ajuda.

Meu namorado é enfermeiro e teve uma lesao do ombro e recebeu 5 + 9 dias de atestado consecutivos. Nesses dias de atestado foi feito a ressonancia e aguardamos o laudo com as imagens. Acabou os dias de atestado e o laudo nao estava pronto, por nao ter nada que comprovasse ou justificasse mais atestados p o inss, ele " trabalhou'' (pagou p alguem trabalhar p ele) um plantao apos o termino do atestado e antes do plantao seguinte pegamos o laudo. Que mostra q ele necessita de afastamento para fazer fisioterapia. O laudo ficou pronto um dia anterior ao plantao, por nao conseguir contactar o ortopedista, eu, namorada e medica, dei um dia (o dia do plantao) de atestado, para podermos ir no ortopedista p ele avaliar a ressonancia e dar o atestado c o laudo para o inss. Como ele trabalha 24h e folga 72h, teremos tempo para contactar o ortopedista.

Nenhum atestado entregue consta cid. Pois hoje em dia é proibido colocar cid, salvo excessoes.

Minhas duvidas:
1. Sem cid nos atestados, ha possibilidade do atestado alem dos 15 dias iniciais nao ser contado como mesma doença?, para nao entrar pelo inss

2. Como medica, namorada e que trabalhou no hospital q ele trabalha atualmente, eles podem alegar que meu atestado eh favoritismo, mesmo tendo laudo de ressonancia com patologia?

3. Sendo o atestado q eu dei de um dia nao consecutivo aos outros, mas seria o 15* . Vale como os 15 referentes da empresa e nao do inss?

Agradeço a atencao

Dalila disse...

tenho ma duvid URGENTE.
hoje passei mal na loja que trbalho, fiz 2 vendas e por mal estado pedi pro meu gerente me liberar, pq etava sem condições pra travalhar
ele não gostou e disse qe iria me dar falta? isso pode acontecer??

janete disse...

ola gostaria de tirar uma duvida ou melhor esclarecimento ,trabalho numa enpresa a nove meses mas estou com problemas com minha encaregada e por isso pedi demissao no dia 30 de agosto estou cumprindo aviso previo agora fui ao medico e tenho que fazer uma cirurgia urgente no estomago foi marcada para dia 25 de setembro faltando 5 dias de comprimento de aviso fiquarei no minimo 30 dias de atestado para recuperacao como ficara minha situacao desde ja agradeco ,e parabens pelo seu blog

janete disse...

ola gostaria de tirar uma duvida ou melhor esclarecimento ,trabalho numa enpresa a nove meses mas estou com problemas com minha encaregada e por isso pedi demissao no dia 30 de agosto estou cumprindo aviso previo agora fui ao medico e tenho que fazer uma cirurgia urgente no estomago foi marcada para dia 25 de setembro faltando 5 dias de comprimento de aviso fiquarei no minimo 30 dias de atestado para recuperacao como ficara minha situacao desde ja agradeco ,e parabens pelo seu blog

joao.luizsm disse...

Boa tarde.Sofri aborto espontaneo ñao ilegal, fiz uma curetagem,dia 4/julho, voltei a trabalhar só que tive complicações pq a dra.deixou restos ovulares.Fui a outro medico e ele me deu 3 dias pq ñ parava de sangrar e sentia muitas dores, fui encaminhada a outro medico p/ fazer uma nova cirurgia e ele me deu 2 dias antes da operação. Depois da cirurgia ele me deu 10 dias, então somando os atestado de setembro dá 15 dias,vou ter q dar entrada pelo inss? obrigada esther g.

Kamikaze Lan House disse...

eu me acidentei dia 6 e peguei um atestado de 30 dias ai eu recebo os 15 dias pela empresa ne. gostaria de sabe se e pra eu receber 15 dias ou os 6 dias trabalhados + 15 dias de atestados ne ?

vanessa teles disse...

Olá boa tarde meu nome é Vanessa sou professora ACT do estado, fui consultar no ultimo dia 30/08 quando estava com 30 semanas de gestação e a médica me deu um atestado de 30 dias, sendo que 15 dias passei por uma pericia que o estado designou e os outros 15 fui encaminhada para o INSS. A duvida é a seguinte, quando eu terminar esses 30 dias estarei com 34 semanas, posso tirar mais um atestado de 15 dias ou tenho que encaminhar a licença maternidade já?

késia oliveira disse...

Antes de tudo Bom dia
eu trabalho em uma firma vai fazer 1 anos mês que vem eu ando faltando por causa de doenças faltei 2 dias semana passada e 3 essa semana na semana passada eu consegui um dia e nessa semana os 2 dias eu posso ser mandada embora por justa causa? isso me preocupa

filho28 disse...

Tenho um funcionário que quebrou o dedo mínimo, no trabalho, em 12/07/2012, arquei com o pagamento dos primeiros 15 dias e depois ele teve deferido um afastamento pelo INSS até o dia 05/09/2012, quando entrou com pedido de prorrogação, alegando necessitar fazer fisioterapia, contudo isso foi negado pelo períto, que o liberou para o trabalho em 10/09/2012. O empregado apresentou ,hoje, dia 19/09/2012, um outro atestado médico de 30 dias referente ao mesmo dedo. Eu preciso pagar outra vez os 15 dias? ou é o INSS que paga? Além do que o empregado quer fazer um acordo financeiro, onde ele pede a demissão, em virtude da estabilidade de 12 meses, esse acordo é válido? Ele pode pedir demissão mesmo estando com outro atestado? Obrigado e parabéns pelo blog.

fabiana disse...

Boa tarde,
A empresa onde trabalho exige que eu escreva tudo que ests no atestado no verso da folha, ex. Declaro que sao veradadeiras as imformaçoes aquu contidas ......compareci no hospital.....do dia ... e foi me concedido tantos dias... e assim por diante.
Se eu nao escevo, eles nao aceitam o atestado, dizem que é politica da empresa.
Pode isso?

Chefe Carioca disse...

Olá boa noite, gostaria de tirar. Algumas duvidas. Fui a um medico infectolgista. Que me afasto por 15 dias. Fui na empresa conversar sobre meu retorno e eles falaram que nao preciso voltar. A trabalhar porque tenho uma consulta. Com outro medico um psiquiatra. Depois d 4 dias. De vencido. O outro atestado, o que fazer. O que. E devo receber. Eles alegam. Que eu devo me afastar sendo que nem seguem passei pelo outro medico ainda, e sao médicos diferentes , tbm quero tirar uma duvida sobre meu tempo d trabalho. Já estou nesta empresa. Há 15 anis tirei ferias apenas uma vez. Por pedido. Deles. Nao por minha vontade, só que eu nao quero. Mas voltar. A trabalhar nesta firme. O que fazer o que me mandem embora,e se os atesados. Mesmo sendo. De médicos. Diferentes já sao suficientes para me afastar da empresa, e caso e nao queira passar pelo medico. Que. Foi eu mesmo. Quem marquei consulta. Eles sao obrigados. E me aceitar de volta. Ou nao , obrigado e parabéns pelo blóg

Lica disse...

Boa tarde.
Estou grávida e tive um problema de sangramento, no qual o médico me deu um atestado de 14 dias. Após o atestado voltei a trabalhar no próximo dia (sexta-feira), porém na próxima semana tive médico (segunda-feira) e o médico novamente me passou um outro atestado de mais 14 dias. As minhas dúvidas são:
1- Irei me afastar pelo INSS com estes atestados, mesmo não sendo consecutivos por se tratarem do mesmo CID, visto que trabalhei na sexta-feira?
2- O médico disse que não posso fazer esforço físico, do tipo pegar ônibus, ficar andando e me movimentando, porém o meu trabalho não é de esforço físico, mas sim de esforço mental e consigo realizá-lo de casa. Será que seria melhor negociar com a empresa para trabalhar de casa do que entrar no INSS?
3- Quando entro pelo INSS o meu salário diminui(salário mínimo)?

Samuel Ferreira disse...

ola, estou na empresa a três meses e sofri acidente de trabalho , torci o tornozelo e foi aberto o CAT, estou afastado a 15 dias e passei de novo com o medico e me disse que vai me afastar no INSS , pois ainda esta inchado.Queria saber se entrando no INSS tenho direito a estabilidade de doze meses no emprego ?

Davi Santos disse...

Olá, boa tarde!

Gostaria de esclarecer uma dúvida...fazendo tratamento psicológico, o meu médico me deu 15 dias de atestado 29/08 á 13/09/12 e como eu não me senti bem para o retorno do trabalho o meu médico me deu mais 15 dias de atestado do dia 17/09 á 01/10/12. gostaria de saber se esse novo atestado é válido? e se a empresa pode dar como falta, e se pode ser descontado esses dias nas férias??

Caroline Filgueiras disse...

Boa Tarde !

Estou com uma duvida me matando,
estou gravida de 4 meses e a empresa estar me pirraçando pra eu pedir conta!
Peguei um atestado com a minha medica do dia 17;09 a 18;09 ela me pediu um exame de urina pois estava com suspeita de infecçao urinaria!
Quando foi dia 20;09 ela me deu um atestado de mais 8 dias!
So que ela me falou que nao podia levantar e muito menos andar era pra fazer repouso absoluto.
E hoje e dia 01;10 . O meu atestado ainda vale ? ou a empresa pode sim descontar do meu salario esses dias?

Lorrane pupe disse...

Boa Tarde Eduardo!
Tenho um amigo que está com um problema e não sei como ajuda-lo.
Ele recebeu um atestado de 10 dias com um CID especifico, logo ao retornar entregou outro de 3 dias porém, por conta de um procedimento odontológico. A empresa em que ele trabalha informa que ele será encaminhado ao INSS pois será realizado a soma dos 2 atestados.
isso é constitucional? ou melhor, a empresa pode fazer isso?
qual o procedimento correto?

no aguardo
obrigada!

Thiago Augusto disse...

Eduardo, boa noite.
Sofri um acidente no percurso de trabalho no dia 21/08/2012, fraturei um osso da perna e estou de gesso. A empresa deu entrada no CAT, porém alegou que não podia dar entrada no INSS, que eu teria que correr atras para marcar a perícia (eles me avisaram dps de 20 dias) consegui marcar para o dia 18/10/2012.
O médico que fez os primeiros socorro me deu um atestado de 30 dias, vencendo esse período. já o medico que eu estou tratando, mesmo recusou me dar um novo atestado e disse que so me daria o laudo .
A empresa não aceita o laudo e fazem questão de um novo atestado, vale lembrar que a mesma deixou a entender que eu poderia ser mandado embora como "abandono de emprego" sendo que estou impossibilitado de trabalhar e estou no aguardo da pericia.
Quais seriam as medidas cabiveis? O medico esta certo em não me dar atestado e apenas laudo?
A postura da empresa é correta?
Fico no aguardo,
Thiago Augusto.

Michele disse...

Bom dia!
Estou gestante com 29 semanas e no mês de agosto minha obstetra me deu um atestado de 15 dias. Voltei ao trabalho após esse período, mas no mesmo mês tive duas faltas com atestado em dias alternados por diferentes motivos. No mês de setembro também tive duas faltas, sendo 1 com atestado e outra não (estou ciente que terei esse dia descontado no meu salário). No mês corrente, outubro, tenho mais duas faltas em dias alternados por diferentes motivos.
Minha dúvida é: a empresa pode me encaminhar para o INSS somando todas as faltas mesmo que por motivos diferentes? Se positivo isso será descontado na minha licença-maternidade?
No aguardo, agradeço-lhe muitíssimo.

Thiago Augusto disse...

Eduardo, boa noite.
Sofri um acidente no percurso de trabalho no dia 21/08/2012, fraturei um osso da perna e estou de gesso. A empresa deu entrada no CAT, porém alegou que não podia dar entrada no INSS, que eu teria que correr atras para marcar a perícia (eles me avisaram dps de 20 dias) consegui marcar para o dia 18/10/2012.
O médico que fez os primeiros socorro me deu um atestado de 30 dias, vencendo esse período. já o medico que eu estou tratando, mesmo recusou me dar um novo atestado e disse que so me daria o laudo .
A empresa não aceita o laudo e fazem questão de um novo atestado, vale lembrar que a mesma deixou a entender que eu poderia ser mandado embora como "abandono de emprego" sendo que estou impossibilitado de trabalhar e estou no aguardo da pericia.
Quais seriam as medidas cabiveis? O medico esta certo em não me dar atestado e apenas laudo?
A postura da empresa é correta?
Fico no aguardo,
Thiago Augusto.

Me responda por favor.

morenaah disse...

boa tarde quero tirar uma duvida, minha filha ta com catapora e o medico deu o atestado no nome dela e a empresa que trabalho falou que não aceita minha filha tem apenas 5 meses é impossivel ela se cuida só não tenho que fique com ela sou a unica responsável dependo do meu salario para enumeras coisa e eu acho que isso não é justo com nos mãe que não tem com quem deixa nossos filhos por favor me responda o mais rapido possível desde já muito grata

sophia Marquezzini disse...

Olá, Tenho uma funcionária que está usando a gravidez como desculpa para não trabalhar. ela tem trazido atestados mas não é com dias corridos, eles tem espaços de 3 dias. Agora ela pediu para ficar um mes em casa recebendo o salário. solicitei um atestado longo para dar entrada pelo inss mas isso é possível? Como faço nesse caso pois sei que ela está mentindo ao dizer que está mal por conta da gravidez.

sophia Marquezzini disse...

Estou com uma funcionária que está usando da gravidez para não trabalhar. Desconfio que o atestado que ela tem é pedido apenas para não trabalhar pois o bebê está bem e ela não tem nenhuma doença que prejudique o mesmo. Ela trouxe vários atestados sendo que não são corridos ou seja tem espaços de 3 dias entre eles. Como faço nesse caso?

Gilçara Souza disse...

Fiz uma cirurgia estou de licença 15 dias q irão vencer dia 12.10, meu medico m deu um relatório me afastando + 60 dias.Como devo proceder para dar entrada no INSS?
e se a perícia for marcada para uma data muito distante tenho que retornar ao trabalho?
obr pela atenção

Lu Ribeiro disse...

Boa noite, Eduardo!
Preciso de uma orientação. Estou com 37 semanas de gestação e dia 10.10 minha médica me afastou por 15 dias, pois estou com infecção na urina, cálculos renais e investigação de placenta baixa, porém, ela incluiu o CID Z34 no atestado. Ao entregar na empresa, eles somaram esse atestado a um entregue dia 14.09 com o cid C102 de dores na região pélvica e tentaram me encaminhar hoje, dia 16.10 para o INSS. Devido ao intervalo de dias e a diferença dos CIDs eles podem fazer isso??? Aguardo ansiosamente a resposta!

Dayene disse...

Bom Dia

Fui demitida e cumpri o aviso previo mais optei por sair 7 dias antes sendo que o termino do meu aviso seria dia 10/10, no dia 11/10 fiz um teste de gravidez e descobri que estou gravida, comuniquei a empresa eles me chamaram pra trabalhar novamente sem o pagamento da rescisão, como se o aviso nunca tivesse acontecido, e querem me descontar os 7 dias do aviso que eu sai antes. Isso esta certo?

Marcia disse...

Olá boa tarde, será que vc pode me ajudar.
Aqui na minha cidade era feriado no dia 11 e 12 de outubro(um municipal e outro nacional)então aproveitei esses dias para fazer uma cirurgia de desvio de septo até para perder menos dias de trabalho, mas ainda deu um total de 8 dias de atestado.
Hoje me ligaram da empresa que meu patrão não quis aceitar o atestado e decidiu me dar 10 dias de férias,pois temia que eu voltasse e logo colocasse mais atestado em cima desse, mas essas férias ele quer que conte do dia 10 em diante, isso que quero saber, pode isso, sendo quinta e sexta feriado e sábado tenho apenas meio dia de expediente?Gostaria de saber o que posso fazer. E se eu for questionar isso, eles podem me demitir? Obrigada.
Marcia

Fernanda disse...

Ola!!
Estou de atestado medico por um dia por conta de virose e meu patrao me enviou um email dizendo que eu teria que fazer um esforço para ir trabalhar disreipeitando totalmente meu atestado ele pode fazer isso???
devo trabalhar mesmo com atestado?? Isso nao se caracteriza assedio moral??

Tatinha Ba disse...

Boa tarde,tenho uma duvida sou gestante de 29 semanas desde que eu descobri que estava gravida apresentei varios atestados para a empresa,pois pretendo que eles me mandem embora quando acabar a minha estabilidade,só que agora eles estão ameaçando me mandar para o INSS mais em nenhum mês meus atestados chegaram a 15 dias,e os atestados tem varios cids por motivos de ida diferentes ao médico,então gostaria de saber se ele pode pegar atestados do mês de Julho e juntar com os atestados até hoje para poder me afastar,e se eles me afastarem interferem nos meus 120 dias da licença maternidade?Aguardo um retorno...Obrigada!

Kaio Silva disse...

Willian ..por favor me ajudem! sofri um acidente de trabalho ,onde fraturei o pe esquerdo o medico da firma me encaminhou para um hospital ,onde fiquei afastado por 15 dias,apos 4 dias de trabalho voltei a senti dor no mesmo pe ,voltei ao medico onde fiz um raio-x e indicafa uma fratura, fiquei mais 15 dias afastado, quando voltei ao trabalho apos os 15 dias iria passas no medico da firma para mostra que estava com uma fratura. mas me mandaram embora com uma fratura no pe ?? o que faço ?

Mário sergio Mendes disse...

Boa noite meu nome é Mário Sergio,eu trabalho de vigilante numa escala de 4x2 numa jornada de 12 horas por dia, dia 11/10/12 véspera de minha folga torci meu tornozelo e fiquei incapaz de locomover,fui no ortopedista,o mesmo me deu um atestado até o dia 23/10/12,gostaria de saber se a empresa onde trabalho abonará meus dias que fiquei afastado,desde já obrigado.

Spindler disse...

Bom dia Eduardo..
Parabens pelo Blog.. Entao eu me acidentei de moto no caminho do serviço. No qual tive uma lesao no tornozelo. Primeiramente o medico me deu 3 dias de atestado, com inicio dia 18/10 ao dia 20/10. Como nao me recuperei da lesao retornei ao medico dia 22/10 pois dia 21 era domingo e me deu mais 4 dias de atestato ate o dia 25/10. Gostaria de saber se o dia 21/10 vai ser descontado de min??
Outra duvida no dia 23/10. Hj recebi uma oferta de trabalho melhor para eu iniciar dia 29/10. a duvida é, a empresa pode me dispensar mesmo eu voltando de um acidente de percurso??
Atenciosamente Wesley Spindler
Aguardo responta se possivel em meu e-mail
wesley_spindler@hotmail.com

Sergio Mendes disse...

boa tarde sr Eduardo luis, meu nome é Mário sérgio ,queria que esclarecesse minha dúvida ,trabalho em uma empresa de segurança em uma escala de 4x2 ,12 horas por dia ,no dia 11/10/12 véspera de minha folga torci meu pé e não pude locomover,fui no ortópedisata,o mesmo constatou uma lesão no ligamento,tive que colocar tala e tudo mais,ele me deu um atestado até o dia 23/10/12,queria saber se a empresa abonar as oitos horas de cada dia que fiquei em casa,desde já obrigado.

Leto disse...

Wellington Fabiano
Olá. Recentemente minha namorada operou de Hernia Umbilical, na qual o médico responsável pela cirurgia deu um laudo de afastamento de 60 dias, devido ao trabalho dela exigir que suba e desça escadas com frequência, ato proibido pelos médicos em casos como este. Ao ir ao INSS o médido do INSS recusou o Laudo e concedeu apenas o afastamento por 30 dias. Recorremos várias vezes com novos Laudos e exigências do médido que realizou a cirurgia e ainda assim todos foram negados. E agora após os 30 dias, ela não esta completamente recuperada, sentindo dores e foi obrigada a voltar ao trabalho. Como podemos proceder em casos como esses? Obrigado

Marianna disse...

Bom dia!
Estou com 38 semanas de gestação e coloquei um atestado medico na empresa de 14 dias, pelo medico que me acompanha (Obstetra)! Como quero um parto normal, achei que o bebe poderia nascer por esses dias de afastamento! Mas nao nasceu! Me sentindo melhor voltei e trabalhei mais um dia! Passei muito mal... Neste caso poderia colocar um atestado de mais 14 dias pelo mesmo médico (especialidade) sem a empresa me encostar? Ou talvez a empresa pode descontar esses dias automaticamente da minha licença maternidade que ainda nao foi tirada? Como faria neste caso?

Rafa Month disse...


Boa Tarde Eduardo! Me chamo Rafael e gostaria de tirar uma duvida. Tenho um funcionário que se afastou da empresa por motivos de uma cirurgia leve uma cauterização e ganhou atestado de 15 dias para repouso total. O mesmo não avisou a empresa que ficaria afastado esses dias todos. Sua medica o proibiu de atividades físicas. Descobri que apos 03 dias de cirurgia esta indo para academia fazer treinos forcados. Cheguei a conclusão de que quem pode fazer atividades físicas forcadas poderia estar trabalhando pois o serviço que presta e de escritório e não tem esforço físico. Minha duvida e a seguinte: posso demiti-lo por justa causa?

six tv disse...

Boa tarde!
eu fiz uma cirurgia e fiquei de atestado por 14 dias.
voltei do atestado e ja trabalhei 3 dias
se eu pegar mais algum atestado eu serei encostado?
ou empresa ira continuar me pagando

Anônimo disse...

Ola, estou com o dedo quebrado a 15 dias, retornei ao medico e ele me deu outro atestado de 15 dias,entao é so eu ir ate a previdencia com o atestado, para receber ???alias para pedir o auxilio doença é isso ?

Gisele disse...

BOM DIA, PARABÉNS PELO BLOG!

ESTOU COM UMA DÚVIDA,UMA CLIENTE ME FEZ A SEGUINTE PERGUNTA: UMA DAS MINHAS FUNCIONÁRIAS TRABALHOU ALGUMAS HORAS, E DEPOIS PEGOU ATESTADO.
E DISSE QUE AS HORAS QUE ELA TRABALHOU TEM QUE SER PAGAS COMO EXTRA. TEM ALGUMA LEI QUE MOSTRE ISSO, PARA EU PODER MOSTRAR A ESSA MINHA FUNCIONÁRIA?

EXISTE ALGUMA LEI? PROCUREI E NÃO LOCALIZEI.

OBRIGADO

laudicena santos porto disse...

Boa dia Eduardo
Ando com algumas duvidas e tenho muita necessidade de sua explicação, se puder me fazer essa gentileza, ficarei muito grata.
Eu trabalho numa empresa a 8 meses, mas no mês de Agosto pra Setembro fiquei pelo inss, recebendo o benefeicio por motivos de doenças, na qual fiquei apenas 30 dias, e hoje já me encontro apta ao trabalho. Porém a empresa mandou eu fazer um exame demissional, e mandou que eu esperasse em casa para acertamos as contas, mas não assinei nada ainda e nem tem nada que comprove minhha demissão. Mas completou no dia 30/10/2012 exatamente 30 dias em que estou em casa e até agora eles nada resolveram. Então gostaria de saber se nesse periodo recebo normalmente como se estivesse trabalhando, e se o meu direito ao tickt alimentação continua valendo normamente, no caso no mesmo valor, e se eles podem demitir no mês de Dicidio?
Pois esse mês é o nosso dicidio!
Preciso de uma resposta urgente, pois ja não sei mais o que fazer...
...Atenciosamente...
...Laudicena Porto

ludy disse...

Olá bom dia estou com uma dúvida ,gostaria de uma ajuda enterei em um trabalho de telemarketin a 1 semana e ontem parecia q eu ia enlouquecer lá dentro meu emocional,anciedade tudo está descontrolado só sei chorar ñ era isso q eu queria q eu sonhava já tive depressão e precisei me afastar em outro emprego ha alguns anos...e agora ñ queria pedir conta pois eles já asinaram minha carteira como eu faço?

nilceia disse...

oi meu nome nilceia gostaria de saber o seguinte os atestado que a medica me da tipo asim 3 ou 4 dias por que minha gravidez e de risco pode ser descontado na minhas ferias esses dias tipo diminuir o tempo de ferias grata

debora b disse...

Olá meu nome é Débora e entreguei um atestado onde trabalho(call center)onde no outro dia foi me avisado que ele não foi aceito,o atestado era de acompanhante do meu filho e estava no meu nome,alguns meses antes tinha entregado um outro atestado tbm de acompanhante e aceitaram,mas agora outra pessoa que trabalha comigo entregou uma declaração de horas como acompanhante da filha e foi aceito.Como aceitam uma declaração de horas e um atestado do dia não podem?Isso está certo?
Obrigada

Creonice Oliveira Trindade de Mendonça Nice disse...

Estou com um problema na coluna o médico me deu 30 dias, tenho dois empregos, um concursada e outo clt, no concursada como tinha umas 15 folgas não quis colocar o atestado, já no clt fui trocar o atestado, sendo que 15 dias a empresa vai me pagar e os outros quinze mandaram eu entrar pelo INSS. Sou obrigada a entrar pelo INSS, caso queira voltar a trabalhar normal na empresa que sou concursada posso sem nenhum problema, lembrando que na empresa que é pela CLT não volto mais.

Creonice Oliveira Trindade de Mendonça Nice disse...

Tive um problema na coluna e o médico me deu 30 dias de atestado a empresa a qual eu trabalho como professor contratado vai me pagar 15 dias e os outro 15 mandou para o INSS, aí eu tenho outro emprego no qual eu sou concursada é lá como eu tenho uns 15 dias de folga gostaria de não tirar atestado,posso? E também gostaria de não entrar pelo INSS posso? Aguardo resposta.

Anônimo disse...

Boa tarde! Gostaria de saber se existe uma lei,decreto, parecer, ou algo legal que diga que quando funcionário apresenta vários atestados no mesmo mês, atestados com menos de 15 dias mas somados passa dos 15 dias. Porem eles tem CID diferentes, mas eu acho que eles são correlacionados Ex. CID C19, CID I 84.4 e afastamento para quimioterapia.

Será que alguém sabe me responder se posso ou não encaminha-lo para auxilio doença??

Kleber Souza disse...

sim... Me responde a essa. Peguei um atestado de sete dias, isso numa sexta-Feira sendo que trabalhamos ate sabado, mas eu nao entreguei o atestado adiando para segunda feira... Corro o risco de invalidarem meu atestado? Ja que eu nao sei ate quando eu posso entregar... Os finais de semana contam como dias de afastamento da função? Me responda por favor, obrigado!

kathe disse...

Olá boa tarde..tenho uma duvida...por gentileza alguem pode me explicar o que fazer, sou gestante 35 semanas, a medica me deu repouso de 15 dias, pois estou tendo muitas contrações, hoje tive consulta, venceu esse atestado e ela me mandou continuar em repouso, pois alem de tudo também tenho pedra nos rins, e como o meu corpo está em constante transformação, a pedras começaram a me incomodar e sinto muitas dores, então ela me deu outro atestado de 1 semana com o cid para calculo renal, diferente do 1 atestado de 14 dias, semana que vem já iremos marcar a cesarea, provavelmente para o final do mes, acontece que acho que com esse outro atestado eu irei entrar pelo inss, e não queria perder estes 15 dias que poderia ficar depois com a minha filha, pois 15 dias pelo inss, ja vai contar como laudo gestante certo? então eu voltaria 15 dias antes da licença que eu teria..certo? ..tem algum outro jeito que eu possa fazer para nao entrar pelo inss como laudo gestante ainda??

obrigada!

pamela souza disse...

Boa tarde. Entreguei na empresa onde trabalho uma carta de demissão, me comprometi a cumprir os 30 dias corridos. Porém 5 dias depois peguei uma conjuntivite, que foi piorando e tive que ir no médico, tomei 10 dias de atestado. Agora a empresa alega que eu devo repor esses 10 dias, mesmo que eu tenha entregue o atestado, assinado pelo médico, carimbado, datado e com o CID. O pior é que eu consegui outro emprego e devo começar o mais breve possivel, o que eu faço? A empresa pode descontar esses dias do meu salário?

pamela souza disse...

Estou com outra dúvida...pedi conta na empresa o qual estou cumprindo o aviso prévio pelas seguintes razões:
1 - sou farmacêutica e a empresa me impõe a venda de medicamentos controlados sem receita, além disso alega não pagar alimentação durante os feriados porque o sindicato da região prevê esse pagamento somente para municípios que tem plantões obrigatórios, resumindo trabalho das 08 as 15:20 hs corrido sem intervalo de almoço e aos sábados e domingos, sem receber nada.
2 - minha gerente vive me insultando na frente dos meus colegas e da última vez me chamou de burra em uma reunião...os donos da empresa nem se importaram...
3 - eles tem um caderno de recados onde ele me manda limpar as prateleiras da farmácia, só pra me humilhar na frente de todos;
4- fiquei doente e não pude ir trabalhar, liguei na empresa, avisei que não estava bem, entreguei o atestado e eles descontaram o dia da minha folha, alegando que era um atestado de comparecimento..entendo, porém a gerente pegou o documento e me garantiu q estava correto, pois se tivesse me avisado no dia teria ido no médico e trocado o papel...
Além disso tudo a empresa me faz devolver medicamentos que estão próximo ao vencimento como se eles tivessem acabado de chegar ou seja, ela compra o remédio, pede uma carta de correção para o distribuidor pra mudar o numero do lote, fica com o remédio com a validade maior e devolve o que estava na loja pra vencer e ainda como devolveu cobra do distribuidor o valor do remédio devolvido...roubo e fraude com certeza...naum posso concordar com isso...o que faço...como denunciá-los?

sergiteixera disse...

Boa tarde. Minha namorada se acidentou no trabalho e teve desvio de coluna ela pegou mais de 15 dias de atestado ou chegar na empresa encaminhou para o INSS. Ela so tem 4 meses de contribuiçao no INSS. Ela vai ser encostada, mais ela tem direito ao auxilio acidente ou auxilio doença? Pois o auxilio dença e necessario ter 12 meses de contribuiçao. Ela tem direito de receber pelo INSS? Se nao, oque ela pode esta fazendo pra nao ficar sem receber?

Joyce Moura disse...

olá boa tarde, me tire uma duvida ja estou afastada do trabalho á 17 dias e o medico nao me deu mais dias de atestados nao marquei a pericia por erro da atendente do inss tenho que esperar mais dias pra conseguir marcar, a proxima data deve demorar uns 10 dias no minimo, mas tem um problema meu atestado vence dia 12 de novembro e aina nao estou boa pois sinto dores e o medico nao pode dar mais atestado, foi uma lesao no pe causada por um acidente de transito quando eu voltava do trabalho e ainda nao consigo andar direito por causa das dores no pé. eu retornei ao trabalho assim mesmo no dia 14 de novembro, nao sei se devo esperar a pericia medica? pois tenho medo de estar descumprindo a lei e prejudicando minha saude!

Aline nascimento da silva disse...

Boa tarde estou gestante de 32 semanas mês passado a médica me deu atestado de 15 dias o ultimo dia fou 1/11 com cid z 35 e dia 8/11 com cid z 34 e hoje dia 16/11 me afastou mas 15 dias com cid z35 e n 30 a empresa pode me colocar pelo inss.

Diana Claudia disse...

Fiz uma cirurgia, o médico me deu atestado de 30 dias, fui ao inss e a perícia foi marcada para dois meses depois da data da cirurgia, voltei ao médico no término do atestado, ele não deu alta e disse que não precisava de outro atestado, ainda não fiz a perícia, volto no médico no final da semana e a empresa está cobrando o segundo atestado e disse que será abandono de emprego ou falta no caso de menos de trinta dias. Então, esse segundo atestado que o médico disse não precisar, precisa ou não?

Diana Claudia disse...

Fiz uma cirurgia, o médico me deu atestado de 30 dias, fui ao inss e a perícia foi marcada para dois meses depois da data da cirurgia, voltei ao médico no término do atestado, ele não deu alta e disse que não precisava de outro atestado, ainda não fiz a perícia, volto no médico no final da semana e a empresa está cobrando o segundo atestado e disse que será abandono de emprego ou falta no caso de menos de trinta dias. Então, esse segundo atestado que o médico disse não precisar, precisa ou não?

Anônimo disse...

Boa tarde,
Primeiramente parabéns pelo blog e os esclarecimentos.
Minha dúvida é em relação ao meu pai, a empresa onde ele trabalha concede ao funcionário a visita familiar a cada três meses, no começo de novembro ele veio para casa, mas nesses dias teve uma crise e teve que ser operado recebendo um atestado de 30 dias isso significa que terá que entrar com pedido de recebimento pelo INSS, porém ele está aqui em nossa cidade (MS) e a empresa que ele trabalha é em outro estado (RO) como ele faz para receber?
Obrigado

Aqui só rola sentimentos disse...

Olá.Comecei a trabalhar em uma panificadora no dia 26 de Janeiro de 2012 como balconista.Quando foi em maio comecei comecei a me sentir muito mau e tive sangramentos aí resolvi sair da empresa no dia 01 de Junho de 2012,mais nesse tempo que trabalhei a empresa não havia registrado a minha carteira.Quando foi no dia 15 de Junho resolvi bater uma ecografia onde constou que eu estava gravida de 04 semanas e que o saco getascional estava com um hematoma envolvendo cerca de 25 por centro do saco gestacional.Quando foi no dia 20 de Julho a empresa me chou de volta para trabalhar mais na função de operadora de caixa,ai resolveu me fichar no dia 01 de Setembro de 2012.Na minha carteira o salario era 690,00 reais.Mais no contra-cheque vinha o valor bruto a receber de 700,80 pois consta 3 salarios familia.Mais a empresa só me pagava 622,00 o mesmo salario de balconista ate outubro.Ai eu questionei que eu tive que receber o valor que estava na minha carteira de trabalho e desde então a empresa me obrigou a voltar a trabalhar no balcão desde o dia 17de Novembro.Sendo que minha carteira continua registrada como caixa,mais estou sentindo muitas dores pelo fato do serviço ser muito pesado.Como devo proceder nesse caso.Desde já agradeço

Vanessa Mendonca disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Siomara Stella Correia disse...

Boa noite,tenho uma duvida,na minha empresa tem médico do trabalho,pois hoje de manhã 27/11 não fui trabalhar e fui no ortopedista(particular) e estou com a coluna inflamada e o médico me deu 8 dias em casa,no 4 dia tenho que ir na médico da empresa,a pergunta:ele pode me dar alta,sendo que estou no prazo do atestado? desde já agradeço.Siomara

wadson disse...

boa noite eduardo!!!
tenho duas duvidas pra tirar.
Primeiro é que to de aviso previso,so que o medico me deu um atestado de 7 dias por ta com pressao alta.liguei la avisando e eles me falaram que quando pega atestado de muitos dias tem que passa pelo medico da firma.tem isso mesmo?existe uma lei pra isso?
pode da algum poblema no meu atestado?o medico da firma pode barrar o atestado?


2 DUVIDA:
minha encarrega me coloco na CIPA,assinei todos os papeis;depois ela queria me manda embora falo que nao podia participar da CIPA porque tinha menos de um ano na firma.foi e me tiro da cipa.é verdade isso que tem que ter mais de um ano de carteira assinada na empresa,posso recorrer em alguma coisa?

LoraineLima disse...

Olá tenho uma dúvida estou gestante de 9 semanas e meu obstetra me afastou por 15 dias pois estava com descolamento ovular hoje foi o último dia do meu afastamento e eu deveria retornar ao trabalho amanhã sendo que a pessoa do R H da empresa me ligou dizendo que antes de eu voltar tenho que passar pelo médico pra ele autorizar tenho consulta cim minha obstetra na proxima semana e ela disse que não podia esperar aí me mandou ir num médico do trabalho que a empresa marcou outra mim chegando nesse médico a consulta não durou nem 1 minuto ele nem olhoy na minha cara direito e me deu um papel me encaminhando pro benefício.. Não entendo por que tenho que dar entrada no benefício se meu médico só me deu 15 dias e se eu der entrada no benefício e ele dor negado como fica o tempo que esperei até a perícia eu perco? Acho que minha empresa está querendo forçar uma situação .. O q faço

wadson disse...

boa noite eduardo!!!
tenho duas duvidas pra tirar.
Primeiro é que to de aviso previso,so que o medico me deu um atestado de 7 dias por ta com pressao alta.liguei la avisando e eles me falaram que quando pega atestado de muitos dias tem que passa pelo medico da firma.tem isso mesmo?existe uma lei pra isso?
pode da algum poblema no meu atestado?o medico da firma pode barrar o atestado?


2 DUVIDA:
minha encarrega me coloco na CIPA,assinei todos os papeis;depois ela queria me manda embora falo que nao podia participar da CIPA porque tinha menos de um ano na firma.foi e me tiro da cipa.é verdade isso que tem que ter mais de um ano de carteira assinada na empresa,posso recorrer em alguma coisa?

Andrade disse...

Boa noite, procurei no blog alguma resposta de algum caso parecido com o meu, porém não encontrei. Fui afastada do serviço por 10 dias pelo médido psiquiatra para que me "acostume" com os medicamentos que são fortíssimos - cid I 31 - Transtorno Afetivo bipolar. A empresa contratou outra pessoa para o meu cargo - ass. adm, posso ser demitida assim que voltar? E se não me demitirem mas me mandarem para outro setor (produção por exemplo), preciso ir? Mesmo estando registrada como ass. adm?
Obrigado e fique com Deus!!

anonimo disse...

Boa noite, gostaria de tirar uma duvida: Estava de ferias, faltando 10 dias para acabar minhas ferias fiz uma cirurgia o medico me deu 30 de atestado contando a partir do dia da cirurgia que foi dia 24/11 e volto a trabalhar dia 05/12, nesse caso a empresa pode me mandar para o inss?

Maykon disse...

Fui operado dias 14 de apendicite . O médico me deu atestado de 15 que vence amanhã , 28/11/2012 .
Tenho laudo médico , mas a pericia do meu serviço disse que o médico do hospital precisa especificar quanto tempo precisarei ficar afastado . Minha consulta agora com o médico do hospital é dia 06/12/12 , dia que pedirei esse tal papel que a pericia exigi para me encaminhar pro iss . Do 29/11/12 até o dia 06/12/12 ganharei falta , já q médicos não me darão atestado ? pois acho q médico de p.a ou posto de saude alegarão que podem dá apenas de atestado de 15 como o médico do hospital falou . Ganharei falta nesses dias ? Consigo atestado médicos desses dias ? Tenho mesmo que passar na pericia do serviço após ter passado os 15 dias ? n poderia ir pro inss direto não ? Agradeço se poder tirar essas minhas dúvidas . Vlw ! ! !

gisele disse...

Oi bom dia. Tenho uma duvida e gostaria de exclarecimento por exemplo: fui ao medico e atestei 15 dias por dor nas costas voltei e trabalhei 03 dias voltei a outro medico e peguei um atestado de 07 dias por conjutivite a empresa pode me afastar pelo inss sendo os CID diferentes?

ANA PAULA Mello disse...

Doutor Eduardo estou com uma dúvida... peguei um atestado de 12 dias dia 07.11 depois mais 15 e mais 7 só consegui marcar a pericia para 16 de janeiro estou grávida com risco de parto prematuro mas meu médico disse pra eu voltar dia 07.12. O que eu faço espero a pericia ou retorno ao trabalho? e se a empresa não aceitar? obrigada

MUITAS COISAS disse...

BOM DIA , GOSTRIA DE UMA INFORMÇÃO.. EU TIVE UM DIA DE ATESTADO MEDCO NO INICIO DO MES DE OUTUBRO 2012 , TRABALEI 12 DIAS DEPOIS OUTRA MEDICA ME DEU 15 DIAS ATESTADO. AI NAO QUES ENTRA NO INSS, E PEDI 30 DIAS DE LICENÇA ESPECIAL.... AGORA ELES QUEREM QUE EU VOLTE UM DIA ANTES DE VENCER A LICENÇA PQ VAO CORTAT MEU PAGAMENTO... PRECISO DE INFORMÇÃO SOBRE ISSO. OBROGADA

niaparana@gmail.com disse...

BOM DIA , GOSTRIA DE UMA INFORMÇÃO.. EU TIVE UM DIA DE ATESTADO MEDCO NO INICIO DO MES DE OUTUBRO 2012 , TRABALEI 12 DIAS DEPOIS OUTRA MEDICA ME DEU 15 DIAS ATESTADO. AI NAO QUES ENTRA NO INSS, E PEDI 30 DIAS DE LICENÇA ESPECIAL.... AGORA ELES QUEREM QUE EU VOLTE UM DIA ANTES DE VENCER A LICENÇA PQ VAO CORTAT MEU PAGAMENTO... PRECISO DE INFORMÇÃO SOBRE ISSO. OBRiGADA

Beka disse...

Boa Tarde
Gostaria de tirar algumas duvidas, sofri acidente de moto em 17/12/2011 e em janeiro entrei pelo INSS e desde então permaneço, passei por vários procedimentos cirúrgicos na face e a ultima cirurgia tem dois meses e foi colocado parafuso no meu tornozelo esquerdo, permaneço com dor, dificuldade de andar e ficar em pé por pastante tempo.
Em trabalho de promotora externa, andando o dia inteiro. Teria uma jeito da minha empresa ser obrigado a me realocar para outra função?
Quando eu volta-se eles poderia me demitir?

Marcia souzas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sandra Rodrigues disse...

Boa noite, estou trabalhando em uma empresa a 2 meses, com carteira assinada e ainda estou no período de experiencia. Faço faculdade a noite e na volta para minha casa, que fica em outra cidade, sofri um acidente na rodovia com meu carro, quebrei a vertebra c6 do pescoço e o medico deu-me 30 dias de atestado. Pode a empresa mandar embora no meu retorno ao trabalho?

Minhas Fotos disse...

Olá boa tarde.
Trabalho a 17 anos numa empresa de refrigerante como vendedor. Há uns dois anos faz que não estou me sentindo bem, é nervosismo, muita ansiedade, desanimo, perda de sono, por fim formigamento dos braços, há pedi 8 kg, então resolvi procurar um cardiologista, que me orientou procurar um psiquiatra, pois bem estou fazendo tratamento com ele desde janeiro. Portanto estava recebendo auxilio doença desde janeiro até o ultimo dia 3, quando o INSS me deu alta. Procurei a empresa para voltar ao trabalho onde tive que passar pelo medico de trabalho, disso que teria que pedir para o psiquiatra um laudo onde diz que estou apto para o trabalho. Entreguei tudo para a empresa ontem e estou no aguardo. A duvida é, tenho algum tempo de estabilidade de trabalho devido a doença, ou não existe esse tempo. A empresa pode me dispensar a qualquer hora? Poderia me esclarecer?
Um abraço.
Marcos

Thamires Nunes disse...

Boa tarde, estou tendo diversos problemas com a clínica em que eu trabalho porque aplico um aparelho estético que causa muitas dores em todas as aplicadoras. O aparelho requer muito esforço, e devido a isso, várias meninas ficam de atestado, e tem diversos problemas no braço e punho, como inflamação no ombro e sindrome do tuneo do carpo. Acontece que a clínica tem como nos mudar de função, porem ficam enrolando a gente ate pedir-mos pra conta. Fui ao medico e estou 6 dias de atestado devido a uma inflamação no ombro. Pedi que fizessem a troca de função, e eles me pediram um laudo médico, fui ao ortopedista e ele me disse que só o médico do trabalho pode me dar esse pedido de mudança de função. Gostaria de saber como proceder nesse caso, pois não vou pedir conta, e quero que seja feita uma mudança de função, porque meu problema começou com este aparelho, antes eu nao tinha nada. Não estou conseguindo trabalhar mais com este aparelho devido a inflamação e dores. O que eu osso fazer pra acelerar esta troca de função? Obrigada!

Van disse...

Por farvor! Me tire uma dúvida...

No dia 26/11/12 meu namorado fraturou o tornozelo trabalhando. Foi socorrido para um hospital que não tinha como tratá-lo e o transferiu para um outro hospital que nada fez... ele então, no dia 27/11 resolveu sair por conta própria do hospital e ir para um hospital particular onde o médico imobilizou o seu tornozelo e deu-lhe um encaminhamento para ser internado para cirurgia em um outro hospital no dia 03/12, mas não deu atestado para esse período do dia 27/11 até 03/12. Ele foi internado no dia 03/12, passou por uma cirurgia no dia 06/12 e recebeu alta no dia 08/12 junto com um atestado de 15 dias a contar da data da alta. A empresa pode contar como falta esses dias que ele não tem de atestado e poderá demití-lo mesmo sabendo que ele estava com encaminhamento para cirurgia?

Andrea Gonçalves de Paula disse...

Meu bebê é prematuro. Ficou dois meses na UTI e teve alta associada ao uso de equipamento de monitoração em casa por causa de apneias. Minha licença maternidade está terminando, o bebê ainda está em isolamento de contato e o pediatra solicitou meu afastamento por mais 60 dias entende pois o bebê ainda requer cuidados intensivos da mãe.
Neste caso, consigo afastamento pelo INSS?

Patty disse...

Boa tarde, Eduardo!

Eu fiz uma cirurgia para retirar 3 sinais (2 nas costas e 1 na cabeça)e o médico me deu 10 dias em casa. Voltarei a trabalhar no dia 17/12/12 e no dia 21 farei uma outra cirurgia relacionada a pele tb, mas pra retirar um cisto, só que com outro CID, mas da mesma familia e ele vai me dar mais 10 dias em casa. Neste caso eu terei que dar entrada pelo inss?

Doug disse...

Bom dia.
Eu descobri que tenho retocolite ulcerativa e precisei me afastar do serviço, fiquei 3 meses afastado e precisei entrar pelo INSS, voltei a trabalhar e trabalhei durante 2 meses, mas precisei me afastar denovo. Só que meu patrão disse que não tem que me pagar os 15 dias. eu gostaria de saber se ele e obrigado a pagar ou está me enrolando?
Obrigado.

João Anderson Silva disse...

boa noite!
Eu fiquei internada do dia 08/12 ao dia 12/12 e um atestado com mais 10 dias e no dia 13/12 entrei novamente no hospital e fiquei até o dia 18/12 e recebi mais um atestado com 10 dias de afastamento,sendo que o atestado esta com a data inicial do dia 15 e não 13.Eu preciso entrar no INSS?os dias 13 e 14 eu ficarei com falta?

jessica disse...

Bom dia gostaria de saber si quando voltamos depois da pericia para trabalhar novamente si nao estou boa ainda e fiquei com cequelas si eu pegr 15 dias de atestado a empresa nao paga ? porq?

Marlon C. disse...

Boa Noite,
Tenho a seguinte dúvida.
Estou de férias desde o dia 03/12 e retornarei no dia 02/01, estou com um problema no ombro que terei que fazer uma cirurgia que fará com que eu fique com o braço imobilizado por 45 dias. Posso ser demitido nesse prazo por estar voltando de férias e terei que ficar ausente por mais um mês e meio?

Sentimentos e sensações ... disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bruna Bru disse...

Bom dia!! Quero tirar uma dúvida, fui ao médico e ele me deu um atesta de 15 dias por causa de ler, isso em dezembro, só que em janeiro sairia de ferias, então a empresa me "pediu" que não protocolasse o atesto, porque senão minhas derias poderiam não sair em janeiro. Concordei, só que durante esse período faltei dois dias por causa da dor. A empresa pode descontar esses dois dias que não trabalhei?? Posse trabalhar mesmo "estando de atestado"?

Regiane Santos disse...

bom dia!meu noivo foi internado dia 17 fez cirurgia no dia 20 e recebeu atestado de 15 dias ele tem direito de entrar no inss o medico nao colocou a cid.

miguel lima soares disse...

Olá, meu atestado venceu e a pericia ainda não aconteceu o atestado é só até o dia 05/01/2013 e a pericia dia 20/02/2013 a empresa não aceitou que eu voltace sem antes passar pela pericia médica para o médico dar o seu parecer final me ajude.Meu nome é miguel lima soares.

telexfree disse...

Boa tarde a empreza pode juntar atestado de motivos diferentes tipo um de coluna e um de conjunti viti e outra no prazo de 60dias e o q esta acontecendo comigo estao me mandando pra o inss

fotos ferrari disse...

sou funcionaria publica contratada em novembro sofri acidente trabalho e mudou o prefeito renovarm meu contrato ate dia dado pelo perito e terei nova pericia e me disseram que sera renovado ate esta data é certo isto, depois que acabar dias dado pelo perito tem algum direito?

Jaime de Oliveira disse...

Boa tarde, bom eu estando de ferias e pego um atestado, ele é valido para empresa ?

junior .prates disse...

ola boa tarde estou com uma duvida muito grande pois, 1- eu fui regitrado em 4 de abril de 2011 e no mes de setembro eu sofri um acidente de trabalho no dia 17, fiquei pelo inss afastado ate 10 junho de 2012 a minha duvida é eu tenho direito a ferias pois a minha sugunda ferias vence em abriu de 2013..... a empresa alega que so vou ter direito a ferias daqui a 10 meses.. e ai o que eu faço?

Luciana Cezar disse...

olá,gostaria q m esclarecese uma grande duvida,cai no trabalho e nao dei bola.ao decorrer dos dias começei a mancar muito.sentia muita dor mesmo assim continuei a trabalhar,sou auxiliar d segurança privada faço otrabalho d portaria 12 36.quando m vi em situação q não conseguia mais caminhar,correr fui ao médico e ele m deu 14 dias,isso do dia 06 12 2012 até dia 19 12 2012,liguei para empresa p saber se tinha q m apresentar dia 20 disseram q não pois era minha folga,apresenteime dia 21,não deixaram q eu assumisse m encamjnharam para o médico do trabalho,consultei e ela m deu mais 10 dias apartir do dia 21,voltei dia 31 12 2012 trabalhei normal folguei no dia seguinte trabalhei no dia 02 01 2013 retornei hoje e não deixaram eu assumir,indiretamente estão contestando o atestado d 14 dias alegando q entreguei um xwrox q não é verdade entreguei bem antes o original .eles querem q eu vá ate o posto médico q consultei e pessa a médica um novo atestado equerem q eu informe qual a unidade q consultei,ia até fazer isso mas a moça do departamento foi tão ignorante e para meias palavras incinuando q eu estava mentindo e dizendo q era xerox fiquei com muita raiva.o atestado é do sus saí dali e fiz um bo p0is ela disse q se segunda eu não levar o atestado novamente,achar a médica vai encaminhar p o jurídico da empresa e tb disse q vão dar os 14 dias d falta,entendi q estou sendo vitima d coação,m ajude,preciso d uma luz,q devo fazer?

yasmim rodrigues disse...

Bom dia
1° pergunta
Tem limitação de atestado no mês para casos de tratamentos odontológicos? (e semelhantes)
2° pergunta
Quando o atestado é válido ou não para abono de faltas de acordo com a legislação?
(atestados verídicos)

wagnerpacifico disse...

Boa noite.. gostaria de saber se óq fazer pois meu líder de trabalho já perdeu 3 atestados meus sendo dois do dia todo e um de horas ... pior q mesmo tendo certeza e comprovado q ele perdeu fui obrigado a ir até o mesmo médico para pegar a segunda via , tendo d perder tempo c locomoção e dinheiro ... o pior q eu q tenho q correr atraz por causa do erro deles .COMO TENHO Q PROCEDER COM ESTES FATOS...
obrigado..

wagner
email: wag-ju@hotmail.com

Sildeia Correa disse...

bom dia trabalho num mercado deoperadora de caixa mas tenho que fazer varias funcoes entre repositora limpeza atender na balanca do ortifriti bom e sou muito cobrada e alem disso o proprietaro da empresa nao deixa sentar com tudo isso viam a meses me sentido mal,desmaio dores no corpo e uma ansiedade muito grave ,a empresa nao tem convenio mas tem um medico que se diz do trabalho pedir para ir nele ele estava de ferias me mandaram no outro o outro nao me disse nada ai fui ao um psiquiatra particular ele me du 15 dias de afastamento me disse queeu estou com uma depressao e me deu medicamentos so que a gora a empresa nao quer aceitar meu atestado o que faço..muito obrigado meu email deia.corre@hotmail.com

sacolao20v disse...

olá!boa tarde.
gostaria que me tirasse um auma dúvida,tenho uma funcionária que trabalha de carteira assinada comigo,porém ano passado ela se encostou pelo inss no dia 20/08/12,mais antes disso ela colocou na empresa um atestado de 3dias,trabalhou 2dias e colocou outro de 14dias,não retornou mais a empresa,quando se acabaram os 14dias ela trouxe um de 15 dias que a partir desse ela foi para o inss,vi pelos comentarios no blog do senhor que podemos contar os atestados quando o mesmo for pelo mesmo motivo que é o caso dela,porém ela deu entrada no inss,que a liberou no dia 18/11/012,e la so voltou ao trabalho no dia 01/12/12,porque eu lhe mandei 3 telegramas e ligava direto para a casa dela.quando ela retornou trabalhou sommente 14 dias e ficou novamente sem da noticias e comparecer por mais 18 dias,e me trouxe um atestado de 15 dias pelo mesmo motivo no qual foi para o inss da 1ªvez,so que os dia sde atestados acabarm ela nao retornou mais a trabalhar e so aparece na empresa para quere dinheiro,a duvia é como agir com essa funcionaria,uma vez que tambem levou suspenção pr estar responsavel da chac=ve da loja e sumiu com a mesma e me desacatou gritando e falando palavrao.
desde ja agradeço.

CRISTIANO GALIANO disse...

fui afastado pelo ortopedista por tempo indeterminado pois tenho degeneraçao do joelho, tentei me afastar no inss o medico recusou o atestado pois disse que so me afastaria quando eu fizesse uma operaçao. durante dois anos nao consegui ser operado e agora fui demitido por abandono de emprego o que faço...meu atestado deixa bem claro a escrita tempo in determinado....tenho endereço fixo a 20 anos..MEU NOME E CRISTIANO GALIANO

Unknown disse...

sai na metade do dia e fui para o hospital cheguei no hospital 14:00 sai 17:35. peguei um atestado só q nao sei se valera para esse dia ou para o dia seguinte q o medico deu o atestado no mesmo dia. meu horario de trabalho é das 8:00 as 17:45 entao o dia de serviço ja tinha acabado entao o atestado valera para o dia seguinte?

Noel Gallagher disse...

Olá Dr Eduardo, primeiramente quero parabenizar pelo blogger.
Gostaria tirar dúvidas.
Trabalho como operador de telemarkentig desde 12/04/2011 e até o presente momento ainda não gozei as férias. Durante esse período que trabalhei para empresa, na qual sou funcionário, fiz um processo seletivo e passei de vendedor, para ouvidor.Nesta função controlo a qualidade das vendas dos operadores, vendedores de telemarketing, minha antiga função. Acontece, que a empresa chegou a colocar a ouvidoria,minha atual função, junto com a operação ou seja, vendedores.Sendo que a função do ouvidor é ouvir a ligação, podendo aprovar a venda, não passar e retornar para o operador, para este ligar para o cliente e ter que fazer tudo de novo, ou até mesmo podemos cancelar a venda.Obviamente,os vendedores, alguns deles, ficam enfurecidos quando não aprovamos as vendas.O strees é muito grande, pois enquanto o meu setor precisa de silêncio para ouvir as ligações, outro fica berrando para vender.Cheguei até ser ameaçado de ser pego na saída do trabalho.Foram rotinas discussões acalouradas com operadores, supervisores do setor venda, pois estamos no mesmo espaço físico. Além disso, durante esse tempo apresentei dores nos ouvidos,muito provavelmente em decorrência de termos que colocar o volume no máximo para escultar a venda por causa de tanto barulho. Acontece, que agora quando as coisas pareciam estar mais calmas, eles, donos da empresa, resolveram dar as contas dos ouvidores. Minha dúvida é se eu entrar em perícia ou atestado, isso pode diminuír nos valores da minha rescisão???? se por exemplo..pode ser considerado esse tempo de afastamento para calcúlo das parcelas do seguro desemprego? O dr acha viável mover reclamatória trabalhista? Deve procurar um otorrino de minha confiança para averiguar se tenho alguma lesão? Eu queria ir para uma função praticamente igual a minha, mas que parece mais tranquila, tendo em vista que não fica no mesmo call center. Entretanto,o coordenador veio dizer para mim que não tenho tempo suficiente na empresa e que eu tenho 2 opções, aceitar o meu desligamento, sem justa causa ou eu assinar um termo e voltar a ser operador. Porém, eles mandaram alguns outros ouvidores para o setor que queria ir..Desde já agradeço pela atenção.

LAURITA NOGUEIRA disse...

Olá , tenho dois vínculos com uma instituição . Estou de ferias de uma matricula e no período das ferias estive afastada da segunda matricula por 2 dias com atestado medico. Foi comentado pela minha chefe que minhas ferias seriam suspensas. Ela pode fazer isso?lembro que pelo RH desta instituição posso ter dois atestados médicos de ate dois dias. Obrigada. Aguardo.

Thaya Esposel disse...

Olá, Boa tarde! estou com algumas duvidas e gostaria de uma orientação... Trabalho na empresa desde agosto/2012, porém acredito que só tenha sido registrada na carteira de trabalho a partir de outubro/2012. Em novembro/2012 descobri estar gravida e imediatamente comuniquei a empresa. Tive um descolamento de placenta e precisei ficar em casa 14 dias em dezembro/2012 com atestado médico. Agora em janeiro, tive uma infecção urinária e estou com novo atestado de mais 14 dias. A empresa ainda não me devolveu minha carteira de trabalho e tem comigo algumas dividas salariais. Hoje me informaram que eu terei que ir até o contador para levar os atestados medicos, poder pegar minha carteira e alem disso, a empresa quer que eu entre de licenca pelo inss, inclusive pediram para eu pedir a licenca para minha medica. Gostaria de saber o que fazer, se a empresa pode juntar os dois atestados e me obrigar a entrar pelo inss. Se eu entrar pelo inss, como fica o recebimento do meu salario? A previsao de nascimento é para meio de junho, quando eu pretendo realmente entrar de licença maternidade. Obrigada pela atenção e ajuda!

Bruna Santos disse...

bom dia...
Estou gestante o medico da empresa me deu 10 dias de atestados devido aos enjoos por ser frequentes apos os dez dias voltei a trabalhar um dia e o medico me deu 8 dias por dor nas costas... a empresa pode me afastar por isso...obrigada

Éverton Rodrigues disse...

Olá.

Trabalho como porteiro em uma empresa de grande destaque na areá de segurança.

Sofri um acidente de moto, quebrei 2 ossos da mão e estou com o joelho bem inchado esperando resultado do exame pra saber se é uma inflamação.

O médico me atestou 15 (quinze) dias e marcou retorno pro ultimo dia de atestado para me encaminha ao INSS.

Sou leigo nessa área, até aonde tenho conhecimento eu trabalho 12 horas por dia em um escala 4/2 sendo assim 60 horas semanais. A empresa não é obrigada a pagar essas 4 horas diárias em caso de atestado, apenas 44 horas semanais por lei.
Seria 15 dias pagos pago pelo empregador e a partir destes 15 dias o pagamento seria feito pela caixa.

Pois bem não foi isso que meu supervisor me informou. Segundo o mesmo a maioria das empresas de segurança não pagam os dias atestados, apenas abonam ser descontar D.S.R e apontar falta, mas não pagam as horas.
Ele me orientou a ficar de repouso 12 dias e voltar a assumir o posto para ver se eu já me encontro em condições de trabalhar, para eu não me afundar financeiramente e acabar perdendo meu posto, segundo ele não há como ele ficar mandando outra pessoa em meu lugar por muito tempo correndo o risco do Condomínio rescindir o contrato com a empresa.

Eu desconheço esse fato da empresa não pagar as horas...

Gostaria de saber:
1° Realmente a empresa não é obrigada a me pagar os dias atestados?
2° Não quero perder meu serviço, é perto de casa, a empresa ate o momento tem me agradado bastante. Caso eles me transferirem de posto após eu voltar eu tenho algum direito que me proteja contra isso? todos os posto que a empresa tem são estupidamente distante da minha residencia e se eu me negar a ir serei punido.

Desde já agradeço e espero que possa a me orientar. Sou um ótimo profissional, sempre pontual, sem faltas e que sempre fiquei anos aonde trabalhei, tanto que é a 1ª vez que isso me acontece. Estou com medo de não seguir as ordens do médico e sofrer alguma sequela futuramente, mas não posso perder esse serviço agora.
Fico no aguarde.

Isadora Piazzarolo disse...

Eduardo,

Um funcionário ausentou-se do serviço, sem autorização, logo pela manhã, o que devo fazer??
E se ele faltar no dia seguinte, posso dar uma advertência por ter se ausentado e outra por ter faltado??

taty silva disse...

taty
ola, fui a um laboratoriuo entrar material para analise clinica, passei mais de meia hora no local. o laboratorio se recusou a me forncer o atestado de comparecimento, alegando que eu nao fui coletar material e sim entregar. como pode?? se somente eu poderia levar o material ja que era necessario a minha asinatura.perguntei na recepçao onde poderia reclamar e recebi da atendente a resposta que nada poderia fazer. nesse caso onde denunciar, ou onde recorrerer? estou indginada com a falta de respeito.. me ajude...

Marcos Souza disse...

Boa tarde. Fui a consulta admissional e mostrei os exames (raio x, ECG com laudo e sangue) a médica do trabalho. Ela não deu apto e nem inapto.

Ela pediu um Parecer de um cardiologista e ver esse ECG com laudo para fins de admissão para o cargo de agente administrativo...

Parecer é mesma coisa que atestado médico ou declaração?

Solange Lima disse...

Vou sair de licença maternidade no final de fevereiro e ficarei afastada até agosto (6 meses). Porém, passei em um concurso público e gostaria de saber se, caso eu seja chamada antes do término de minha licença maternidade, tenho que assumir o cargo? Posso postergar a data da posse? Corro o risco de perder o cargo se não assumir quando for chamada?

Talita Telles disse...

Boa tarde, gostaria de saber o seguinte, estou gravida e corro risco de aborto espontaneo, alias ja tive 4, então estou me tratando com uma médica e esta me deu 13 dias de atestado, porém ela se recusou a me dar os outros 2 restantes pra eu poder me afastar, porem ela não quis pq eu não vou fazer o parto com ela particular, pq eu não tenho condições financeiras. Eu fui em outra médica e ela me deu os outros 2 dias, mas minha empresa se recusa a marcar pericia pq dizem que o atestado pre cisa ser 15 dias corridos de um me´dico só, quero saber se isso é verdade?

Danyelle Leal disse...

Oi bom dia!
Eu teria que ter voltado da minhas férias dia 11/01 porém como tenho tendinite no puno e ombro dei um atestado de 10 dias com o cid de artrite e depois mais um de 15 dias com o cid de tendinite no punho teria que retornar ao trabalho no dia 4 de fevereiro porém meu médico solicitou ressonância magnética no ombro esquerdo e meu deu mais um atestado de 15 dias com o cid de tendinite no manguito,ao chegar na empresa para etregar esse atestado fui informado que eu estava com perícia marcada para dia 18 de março, eles poderiam ter me encaminhado para o auxílio doença mesmo o cid dos atesatados serem diferentes?Agradeço desde já.
Danyelle

3LbInH@ disse...

OLÁ, TIVE NENÉM HÁ UM MÊS, NA MATERNIDADE A OBSTETRA ME DEU UM ATESTADO PARA LICENÇA MATERNIDADE, ENTREGUEI NA EMPRESA, SÓ QUE NINGUÉM ME ORIENTOU A NADA, NESSE CASO, SERÁ QUE EU VOU RECEBER PELA EMPRESA, OU DEVERIA TER IDO AO INSS DAR ENTRADA, NÃO FUI PORQUE NÃO ME DERAM NENHUM ENCAMINHAMENTO OU DOCUMENTO...

ELBA

Simone Dias disse...

Ola!! Adorei seu blog Eduardo, está de parabéns. Gostaria que me ajudasse com uma dúvida, em janeiro tive entorno de 5 faltas justificadas por 3 motivos diferentes (gastrite nervosa, inflamação no ombro e tendinite)
No fim de janeiro e inicio de fevereiro tive 14 dias de faltas consecutivas todas atestadas, sendo que foram com 4 atestados, sendo dois pelo mesmo cid e os outros com outros.
A empresa hoje me notificou que amanhã devo comparecer a uma consulta médica em um dos prédios dela para entender melhor meus problemas e saber se estou sendo diagnosticada corretamente, conforme palavras da minha gerente. Só que o horário e o local escolhido é complicado para mim, pois a consulta é na parte da manhã, e nesse horário fico com meu filho e não tenho com quem deixa-lo, já que meu pai chega em casa apos as 13 e saio para trabalhar as 14hs, por isso escolhi o horário da tarde para trabalhar.
Meu supervisor e minha gerente me disseram que sou obrigada a comparecer se não corro o risco de ter meu salario suspenso já que meus atestados nós últimos 2 meses somam mais de 15 dias (mesmo que nem todos são pelo mesmo motivo)
Pedi que fosse marcado outro horário e de preferencia no próprio prédio que trabalho, já que no prédio que estou alocada também tem médico do trabalho. Eles disseram que não é possível já que eles escolheram o melhor médico que tinha que é o chefe geral dos médicos do trabalho da empresa. Gostaria de saber se de fato sou obrigada a ir??
Quando expus meu problema meu supervisor chegou a falar para levar meu filho comigo na consulta para que assim não a perdesse, já que era de meu interesse passar no médico, e que sou obrigada a me adequar a empresa e seus horários. Fiquei indignada, e falei que não poderia fazer meu filho a faltar na escola e a pegar vários ônibus comigo para ir nessa consulta e disse não teria dinheiro para gastar com a condução dele, já que teria que arcar também com minha condução a parte nesse caso.
Como observação digo que:
a empresa marcou a consulta para as 10hs da manhã em um prédio que faz parte do grupo da nossa empresa, só que é distante do prédio em que trabalho ficando de um lado oposto ao caminho que faria para ir trabalhar.
Meu filho estuda das 7hs as 11:30, se eu for na consulta no horário marcado não conseguirei pegar meu filho no horário de saída dele normal, por ser escola pública não tenho como pedir para ele ficar além do horário.
a gerente falou que assim que deixasse meu filho na escola deveria ir direto pra a consulta para assim tentar passar mais cedo, mas sem a certeza que de fato seria atendida fora do horário marcado
se eu fizer o que a gerente disse de aproveitar o intervalo que meu filho esta na escola e ir, corro o risco de não conseguir chegar a tempo de pegá-lo na escola.
o prédio em que trabalho tem médico do trabalho, onde muitos dos funcionários já passaram em consulta com eles dentro do horário de trabalho com a mesma finalidade que querem que eu passe.
Devo ou não ir? está certo isso? se eu falar na consulta terei mesmo problemas futuramente?
A gerente alega que como assinei um termo de que estou ciente que tem consulta marcada isso me obriga perante a lei a ir nessa consulta.
No documento apenas diz o horario da consulta, local e nome do medico e que devo comparecer ao RH para ser orientada sobre a consulta. Mas meu supervisor me disse que não precisava ir, ja que estava tudo esclarecido no papel sobre horarios e endereços.
o documento nada diz que é um termo de ciência ou é um termo de obrigação de comparecimento.
Att. Simone

Vitor Hugo Pinto disse...

Ola, chamo-me Vitor, gostaria de tirar uma duvida, fui ao medico em 04/03, segunda. Ele me deu 14 dias de atestado. Quando devo retornar ao trabalho?
Trabalho de segunda a sexta e o ultimo dia trabalhado foi 01/03, sexta.
Aguardo, obrigado.

Dany disse...

Olá, estou gestante de 21 semanas a ddp é 12/07, por ser professora minhas férias se iniciam em 01/07, a minha dúvida é, se eu pegar um atestado médico de 15 dias (de 28/06 à 13/07), marcar a minha cesária para dia 12/07, eu perderei os 13 dias de férias? Ou após o fim do meu atestado já vai valer a licença maternidade e no fim da licença eu tiro os meus 30 dias de férias?

wandersonmotta disse...

Boa tarde ! minha dúvida : estou com problema de hernia de disco,proveniente de trabalhar para uma empresa durante 8 horas por dia de moto, estava de férias e aproveitei para ir ao médico. o medico me deu 15 dias de atestado quando faltavam 4 dias para acabar as minhas férias . como fica minha situação ??? o que eu tenho que fazer ??

Anonimo disse...

Olá Eduardo, trabalho no governo federal, numa escala de 30 por 15, deveria ter retornado no dia 02/03, mas fiquei doente e no dia 27/02 recebi um atestado de 15 dias, retornei ao trabalho no dia 14/03, a questão é: os dias de atestado são nulos? ou seja, ao invés de sair dia 02/04 como previsto, terei de trabalhar até dia 14/04 para compensar os dias de atestado? (trabalho com Ordem de serviço)
Agradeço se for respondido...

Link Vagas disse...

Olá.
Precisei dar um atestado no meu trabalho por depressão por 15 dias agora tenho que voltar tenho alguma estabilidade ou eles podem me mandar em bora?

Grata desde já.

Valeria pimenta disse...

Bom dia,Sou gestante de 35 semanas o medico me deu 15 dias consecutivos de atestado do dia 16/3 a 30/3 mas a empresa juntou com outro atestado de 1 dia em fevereiro para me encostar pelo inss. Seguintes perguntas:
A empresa pode fazer isso, mesmo eu não querendo?
Se eu não marcar pericia e voltar trabalhar o que pode acontecer comigo?A empresa paga os 15 dias?
Se o Inss não conceder o afastamento o que vai acontecer com esses dias que fiquei em casa,fico sem receber ?
Se eu ganhar o bebe antes de ir na pericia marcada vou poder pegar a minha licença de maternidade? E o que vai acontecer com os dias que eu fiquei em casa?

Muito Obrigada

Julieverson disse...

Ola me tire uma duvida eu trabalho em uma Industria de Laticinios e quebrei o dedo na fabrica meu contrato de experiencia falta poucos dias pra vencer minha duvida é depois que vencer meu atestado de 30 dias eles podem me mandar embora?

emerson disse...

Boa noite

Entreguei um atestado de 15 dias,e trabalhei o restante dos dias ,quando recebi meu contra-cheque eles calcularam 25 dias trabalhados e nao 30 dias,por que?

leiliane alves disse...

estou gravida de 4 mese e meu medico me deu um atestado de 15 dias trabalho no posto de gasolina e devido o cheiro do combustivel ele me deu esse afastamento,so que fiquei sabendo que minha patroa não vai me paga esse dias ,ela pode fazer o que devo fazer pra nao perder esse dias...

Matheus disse...

Oi gostaria de saber, como proceder no meu caso, estou com depressão profunda, já marquei psiquiatra para o dia 25/04 unica data que eu consegui mais proxima, mas estou afastado da empresa a alguns dias, primeiro peguei um atestado de 15 dias, dai voltei a trabalhar, conversei com o meu chefe ele me mandou para casa, pois quem me diagnosticou com depressão foi um medico clinico geral, e me encaminhou para o psiquiatra, não estou em condições de ir trabalhar... Eu deveria ter voltado a trabalha na segunda feira passada, mas não consegui ir pois to com sindrome do panico também, oque faço agora ate eu ir ao psiquiatra e ele me dar o laudo para mim ir para o inss?

simone santos disse...

ola gostaria de esclarecer uma dúvida:
coloquei um atestado médico de 12 dias concequitivos, ref a extração de cisos e precisarei extrair os demais cisos, acredito q os atestados terão os mesmo cid, mesmo sendo em meses posteriores, tenho que me afastar pelo inss, se excederm 15 dias?

obrigada simone

Mari.. disse...

Boa tatde Eduardo.. temos tantas duvidas obrigada por nos ajudar..

1° Estou gravida de 22semanas e trabalho em uma empresa que tem convenio proprio descontando 30% se usado, porem tenho outro plano bem melhir que cobre tudo 100% minha obstetra é particular desse plano e a empresa se nega em receber os atestados da mesma? esta correta a empresa??

2° Tive algumas faltas injustificadas porem todas descontadas do meu salario, vale transporte, ticket alimentaçao.. eles podem esta descontado as faltas da minhas ferias??

Desde ja agradeço sua ajudaa..

Jéssica Figueredo Santana disse...

Trabalho com telemarketing, e a empresa em questão funciona da seguinte forma > trabalhamos no período de 6 horas diárias, sendo um sábado sim outro não, devido não caber os dois turnos (manhã e tarde) na mesma central. Fato é, para ‘’cobrir’’ esses sábados que não vamos, fazemos 30 minutos de banco de horas todos os dias, sendo 5 horas e meia trabalhas e 30 minutos de banco. Porém, no contrato há a informação de que trabalhamos 6 horas diárias de segunda a sábado. Minha dúvida é, quando pegamos atestado médico, eles descontam sempre essa ‘’meia hora de banco’’, ou seja, essa meia hora fica negativa nos dias em que pegamos atestados. Porém, quando faltamos sem justificativa, é descontado as 6 horas do dia. É certo isso? Muitas pessoas na empresa devem mais de 20 horas por conta dos atestados.

Rubia Koehler disse...

Estou em atestado há uma semana com diagnóstico de catapora adulta. Todos os dia aparecem novas pustulas, apesar do tratamento indicado. Minha dúvida é se existe legislação aplicada a doença contagiosa, pois não pretendo, se puder, entrar para o INSS. Obrigada.

Fernanda Gonçales Guimarães disse...

Bom dia. Por favor, se possível, me ajude com uma questão. Estou gravida e com 28 semanas de gestação fui afastada por 10 dias pela minha medica, devido a uma abertura no colo do útero. Voltei a trabalhar, tive um outro problema agora com 31 semanas e busquei o pronto atendimento. A medica percebeu que minha dilatação aumentou para 2cm. Meu trabalho demanda esforço físico, pois faço trabalho externo, visitando clientes, dirigindo o dia todo, carregando peso e caminhando bastante. Com isso, ela me afastou em definitivo, pois preciso permanecer em repouso para evitar um parto prematuro.

Minha duvida é: até quando vale esse afastamento medico e quando se inicia a licença maternidade? Como tenho indicação medica, posso considerar que meu atestado vale até a data do nascimento do meu bebe, e só então entrarei em licenca maternidade?

Agradeço a ajuda. Abs, Fernanda.

byazinha disse...

oi!! estou gravida e venho tendo problemas de saude,coloquei desde q descobri minha gravidez ate hoje(sao 4 meses)15 atestados e meio alternados mas nao pela mesma causa-doença,e hoje a"empresa" disse q nao poderiam mais aceitar nem um atestado por q ja completarm 15 dias e me mandou procurar o INSS!!!gostaria de saber se isso esta correto E QUAIS OS DIREITO QUE ME ASSISTE!!!!!!!!!!!obrigada aguardo resposa

Angela Lucca disse...

funcionário que se machucou na empresa, foi ao médico, não trouxe atestado, a empresa nao tem como fazer o CAT.
COMO PROCEDER?

fjoliveira disse...

Olá me tire uma duvida estou de 5 meses trabalho o dia todo em pé, sinto muita dor na coluna e cansaço, meu medico pode me afastar pelo INSS sem prejudicar minha licença maternidade?

rosimeire gaspar de oliveira disse...

Boa noite!
Gostaria de esclarecer uma dúvida.
Minha irmã está passando por problemas de depressão.
Ela pegou um atestado de 03 dias, depois voltou a trabalhar mais deu crise e a empresa pediu para ela voltar ao médico.
Ela voltou ao medico e o mesmo deu um afastamento de 15 dias, se passando os 15 dias ela foi no médico da empresa, e minha irmã disse ao medico que estava tomando os remedios certinho e que ja estava boa para trabalhar.
Ela trabalhou mais dois dias e a empresa mandou ela embora(motivo: dispensa sem justa causa).
Minha pergunta é a seguinte, a empresa pode mandar ela embora, mesmo ela ela ainda estando em tratamento psquiatrico e tomando tremedio de tarja preta? Ela pode entrar na justiça contra a empresa?
Att.
Rosimeire

Flavia disse...

Olá, gostaria de perguntar se o pronto atendimento é obrigado a me fornecer atestado, pois estou com muitas dores de cabeça e ardencia nos olhos e hoje tive q faltar ao trabalho, pagar alguem pra ir no meu lugar, mas nao consegui consulta no posto de saude, e vou ao Pam, o que faço se eles nao me fornecerem atestado

Pedro informatica disse...

Boa tarde ! Eu gostaria de saber uma coisa : quase todas as semanas eu preciso levar minha filha ao medico. Isso desde setembro de 2012. E a maioria dos medicos que passam uma declaração. Sendo que da ultima vez q eu fui dia 06/05, a mesma medica me passou a bendita declaração, e o meu chefe não quis aceitar mais. Diante dessa situação, quem está errado? Desde já, gradeço pela atenção!

bruno shake disse...

Bom dia!

meu encarregado mudou minha escala de horários, meu horário fixo e as 14:30, mas ele mudou para 13:30 e não me avisou, cheguei para trabalhar no meu horário normal que era as 14:30, então minha gerente disse que eu estava 1 hora atrazado e não deixou eu assinar a folha de pontos porque ela ia ligar no DP para pedir minha justa causa, porque eu já tinha uma suspensão de 3 dias, não esperei ela ligar no DP, fui embora passei no médico e peguei um atestado, ela pode me demitir por justa mesmo com esse atestado?

Ana Pizzatto disse...

Olá Eduardo.. minha dúvida é mto grave.. porém quero confirmar como proceder quando empresa não PAGA MEUS ATESTADOS JUSTIFICADOS E DE MOTIVOS DIFERENTES de ausência.!! e mais estou em aviso prévio saindo em horário normal, sendo q tenho direito 2hr antes pu 7 dias consecutivos de falta estando ambos de acordo.!!

adriele.. disse...

Bom dia!!
Gostaria de saber se um atestado de consulta pode entrar para contar os 16 dias para a entrada no inss? pois fui ao psiquiatra ele me afastou por 15 dias, mais antes eu tinha um dia por uma consulta q fiz. e agora recebi a noticia q fui para o inss por conta do atestado dessa consulta.
desde ja agradeço.

Mirza Braga disse...

Olá Eduardo Parabéns pela iniciativa e pelo Blog, Tenho uma grade dúvida e gostaria muito que você me ajudasse!
Tenho uma Funcionária que vive dando atestado médico, ela já está há um bom tempo de atestado, vem fica só pela manhã liga pra um bocado de médico, e sai pra arrumar mais um atestado, devido um furúnculo na perna que foi extraído. suas faltas frequentes já estão prejudicando a empresa e como ela não fica mais aqui não sei como demiti-la. Como faço para demitir essa funcionária que já está agindo de má fé com a empresa?

brendolir disse...

Meu nome brendolir
Eu passei por uma cirurgia de adenoide dia 13/05/2013 e voltei a trabalhar no dia 27/04/2013 tive 14 dias d atestado, volte a trabalhar e trabalhei por 3 dias e voltei a mim sentir mal e recebi mas 4 dias de atestado, no caso trablbalhei até o dia 30/05/2013 e entrei de atestado dia 31/05/2013 isso faria 15 dias de atestado no msm mês e os outros 3 dias ja passaria a contar do mês 6, a empresa poderia mesmo assim mim encaminhar pro inss

RICARDO RICK disse...

Bom dia! Fiz uma cirurgia de rinoseptoplastia no dia 23/05 e o médico me deu um atestado de 12 dias. O retorno ao trabalho seria dia 04/06, mas o médico me deu mais 3 dias de atestado, totalizando 15 dias. Minha dúvida é quando eu retornar dia 7/6 vou para o inss? Ou a empresa paga esses dias normalmente?

fran disse...

Trabalho a 3 meses em uma firma de limpeza, e sofri um acidente de trabalho, uma cadeira caiu no meu braço,e fraturou, e não sinto o movimento dos 3 dedos. o médico engessou o braço e me deu 15 dias de atestado e agora?? estou com medo de me mandarem embora. trabalho na área da limpeza. Des de já obrigada;

Rágila disse...

Bom Dia, fui vitima de um atentado, mais não saí lesionada como minhas amigas saíram (ferida) mais ando muito atordoada e queria tempo pra resolver os assuntos posteriores sobre o caso, delegacia, e orgãos publicos. Quem devo procurar para tal atestado, pois apenas 2 amigas minhas fizeram corpo delito no IML, mais preciso de uma orientação psicologica?! me ajudem

Ademir Rodrigues disse...

Olá gostaria que me respondesse uma pergunta..
Passei por uma cirurgia e o medico me deu 45 das de atestado, sei que os primeiros 15 dias é pago pela empresa, e o restante pelo auxilio doença inss.Voltei a trabalhar com 20 dias, mesmo assim ainda tenho direito do auxilio doença?Posso dar entrada no auxilio doença?

Karina Riveira disse...

Boa tarde!
Quantos dias de atestado devo ter para conseguir me encostar pelo INSS? Deve ser consecutivos ou pode ser intercalados? Estava sentido dores no ombro e fui ao médico e peguei um atestado, ele mando fazer exames e fiz todos no mesmo dia da consulta, na semana seguinte fui novamente no medico para levar os resultados e peguei outro atestado, ele me solicitou fazer 10 sessões de fisioterapia e depois retornar, depois de mais ou menos uma semana fui demitida, mas no exame de demissão a médica não assinou e me deu mais 15 dias de atestado para terminar o tratamento, somando os atestados da 17 dias mas intercalados, e pela mesma doença. Eles valem assim, para que eu peça pra me encostar?

julio monteiro disse...

Boa noite !

Por motivo de doença medico neurologista me deu trinta (30) dias de atestado , só que trabalho em duas empresa e tenho só um atestado, como faço, pois preciso ir ao inss, tenho estabilidade assim que retorna o serviço.

Dúvidas em casos processuais (Cívil e consumidor) disse...

Olá. tive um problema em minha vida que me levou a um quadro de depressão. A empresa em que trabalho me encaminhou a um médico onde fiquei mais de quinze dias afastado, sendo encaminhado ao inss. recebí um laudo com cid10 f43 que apresentei ao perito. o perito do inss deferiu os dois meses de auxílio doença que fiquei afastado da empresa, porém me deu alta. Antes de ficar doente, eu trabalhava em um setor mais tranquilo, onde não havia contato com clientes. Agora que voltei, estão querendo me colocar entre os clientes, sendo que o problema que tive me levou a me sentir perseguido por outras pessoas, ou seja, não me sinto bem e fico ancioso e inquieto em trabalhar em meio a estranhos. Não querem me colocar em setor onde não haja clientes e estou ainda em tratamento. Tenho que fazer acompanhamento duas horas por dia em trez dias da semana e estou tomando medicamentos controlados. Estão agora ameaçando me demitir se eu não quiser ficar entre os clientes. Isto complicar mais ainda meu quadro clinico, pois não me sinto bem. Eles podem me demitir assim? O fato da alta do inss, quer dizer que podem alegar que estou curado, mesmo me tratando e não estando 100% curado? Tem como eu entrar com um pedido para que me recoloquem em meu antigo setor sem poder me demitir? E se me demitirem, cabe entrar com pedido de reintegração ao trabalho?
Obrigado!!!!!!

Suelen Rangel disse...

Boa noite.Atualmente estava trabalhando com tlmk desde 11/04/2013 no dia 03/06 fui ao UPA com fortes dores no ouvido, febre etc... eles me deram 2 dias, fui ao trabalho e falei que não tinha condições de trabalhar, me liberaram fui ao medico direto e assim foi até o dia 12 ou 13 fui ao trabalho novamente, só que minha supervisora não tinha chegado e já tinha passado a hora da entrada de trabalho, me loguei na minha mesa, ai chamei outro supervisor ele mandou eu voltar ao médico pq nao poderia me segurar la com dor. Enfim, acabei que continuei indo aos médicos e eles me dando atestado de no maximo 2 dias e continuava indo ao médico e não fui mais no trabalho, até que fui la hoje minha supervisora já sabia da minha situação, fui la pra falar que eu estava com os atestados todos em mãos, e pra perguntar o que eu faria,pq para mim já estava meio insustentavel essa situação já que a dor continuava e os médico não me falavam ao certo o que eu tinha, pois uns falam que é otite e outra falou que era Disfunção da Articulação Temporo-mandibular...ai ela falou que não poderia me segurar na empresa até pq eu preciso dos ouvidos para trabalhar, ai ela me deu a opção de eu me demitir para me cuidar para que daqui a 6 meses eu possa estar tentando entrar na empresa, porque se eu fosse demitida eu não poderia mais voltar, e alem de ela ter falado que ela quase tinha me dado abandono de emprego, só não me deu porque ela sabia da situação em que me encontrava e como uma pessoa totalmente leiga no assunto, assinei hj minha demissão, só que muitas pessos me falaram que não era para eu ter assinado, pois perdi todos os meus direitos e me falaram para procurar um medico do trabalho, um advogado e etc...enfim, preciso de ajuda estou perdida...obrigado desde já!!!

Cristina Pereira disse...

boa noite , gostaria de saber eu sair do meu serviço
no dia 06. 08 .2012 e hj tive minha filha na maternidade no dia 06.06.2013 eu tenho direito já na licença maternidade , mas na maternidade eu cai e quebrei o tornozelo tenho direito ttambém no auxilio
doença ou não .
me tira essa dúvida por favor...
cristina pereira .

Ramila disse...

Olá! Tive que ficar afastada durante dois dias (quinta e sexta) da semana passada por motivo de doença. Ontem, segunda fui trabalhar, mas sofri um acidente hoje, terça, e vou ter que ficar 15 dias afastada. Terei algum problema com isso?

Ramila disse...

Em relação à dúvida anterior, quando devo apresentar o atestado de 15 dias à empresa?

Fernanda Soares disse...

Olá Eduardo,

Tenho uma funcionária que sofreu acidente durante o horário de almoço, por tanto em carga horária de trabalho, ela já entrou pelo inss e foi liberada, mais não está apta para trabalhar, pois sente dor quando vem ao trabalho, quando ela vem ela trabalha 2 dias e trás atestado de 8 dias, ai vem mais 2 ou 3 e passa outro de 7 e assim vai, o que devo fazer nessa situação?

Fernanda Soares disse...

Olá Boa tarde,

Gostaria de tirar uma dúvida, tenho uma funcionária, que já entrou de licença pelo inss após sofrer um acidente, porém a mesma já foi liberada pelo inss e quando vem trabalhar trabalha 2,3 dias e passa atestado de 8 dias isso umas 3 vezes no mês, sendo assim já teve mês que ela atestou 21 dias, e nos atestados sempre verdadeiros, pois a mesma vinha com gesso e tudo mais, porém não é justo com o patrão pagar para o funcionário não trabalhar, aja vista que 21 dias em casa caracteriza que a mesma não está apta para trabalhar. Como devo proceder diante de tal situação??

Elaine Cristina disse...

Olá
Estou voltando de ferias e tenho que continuar com meu tratamento dentario.Vou fazer extração e vou precisar de folga para me recuperar.
Podem me negar isso ja que estou voltando das ferias?

nana disse...

Bom dia.
preciso que esclareça uma dúvida.A minha função no trabalho sob muita escada portanto venho sentindo muitas dores no começo do ano de 2012 cai da escada desde então descobri um edema no meu quadril direito (trancoter) que me prejudica muito nas minhas tarefas.Sempre estou tendo que pegar atestados longos(10 até 15 dias) pois fica muito doliridos e inchados por causa dos movimentos repetitivos meu medico me aconselhou me afastar mas tenho medo da empressa me mandar embora .Estou de atestado desdo dia 10/06/2013. o médico me deu 15 dias. o que faço me ajude?

Fã Clube Para sempre Bianca Rinaldi disse...

Olá Eduardo!

Meu nome é Adriane e preciso urgentemente de ajuda!
Entrei em depressão em 2011 e desde então venho lutando contra ela. Em 2011 parei de estudar faltando um mês para acabar o ano por que simplesmente não conseguia nem sair de casa! Ano passado em 2012 consegui com muita luta passar de ano porém no final de 2012 e 2013 tudo piorou! Fui em São Paulo procurar tratamento pois moro no interior de Goiás, porém não consegui então voltei sem atestado algum.Meu problema foi com a escola, conversei com a diretora e ela disse que eu poderia retornar as aulas normalmente apesar da quantidade de faltas que eu tinha 148 faltas porém agora recebo a noticia que não passei por faltas, porém ela sabia... por que então me fez fazer esse enorme sacrifício de ir todos os dias a escola? Queria saber se tenho algum direito, fui a um medico e ele disse que queria muito me ajudar porém só pode dar atestado de no máximo 15 dias! Parece bobeira mas para quem já perdeu 1 ano de estudo por causa da depressão meio ano é muita coisa ( Aqui em Goiás passamos por bimestre) Agradeço desde já!!! Abraço

Rodolfo Gustavo disse...

Bom, não sei se ainda está ativo no blog mais se sim tenho uma duvida e gostaria de sua ajuda.
Sofri um acidente de carro e fiquei 15 dias afastado da empresa, voltei e após 20 dias fui demitido sem justa causa, gostaria de saber se ocorreu alguma infração por parte da empresa ou se eles tem aparos legais para tal ato após o ocorrido, grato.
PS: parabéns pelo artigo.

Dj Marcio Silva disse...

oi boa tarde... gostaria de tirar uma duvida. estou gravida de 33 semanas e com sangramento e dilataçao, meu medico me deu 15 dias de atestado. gostaria de saber se posso voltar a trabalhar mais 2 dias e depois pegar mais 14 dias mudando o numero do cd sem a empresa me afastar... Desde ja agradeço e aguardo.

Rodrigo Batista disse...

se eu ficar em casa de atestado medico por 13 dias eu voltar a trabalhar 1 um dia e ficar mais 5 dias em casa eu tem que ir para a caixa?

Bruna Oliveira disse...

Ola Eduardo boa noite eu fui mandada embora por justa causa onde minha patroa alegou que aduterei a hora do atestado, porem eu não fiz pois estou gravida e tenho tudo ao meu favor, como provar e preserva o meu nome no mercado de trabalho? Obrigada.

Claspe disse...

Olá Eduardo, como vai?

Estou gestante de 17 semanas e estou de atestado. Ao analisar a data percebi que somam 16 dias. A empresa já pode me encaminhar para o INSS?

Muito obrigada

gabriela disse...

bom dia,minha mãe entregou o atestado medico para o patrão dela,que quer que ela trabalhe no feriado para repor o dia do atestado,isso estar certo,ele disse que o atestado só serve para não descontar o dia,mas de uma forma ou de outra ele não estar descontando?i


Ailton Buratto disse...

Olá, necessito de um esclarecimento. Fiquei de atestado por 14 dias, então ao termino voltei a trabalhar, trabalhei 2 dias, após o médico pediu para que eu ficasse mais alguns dias de atestado e me forneceu mais um atestado de 10 dias, mesmo eu tendo trabalhado 2 dias eu tenho que entrar pelo INSS? pois não foram corridos alem dos 15 que se preconiza.
Att Ailton

marcelo henrique disse...

boa tarde eduardo gostaria de saber se a empresa pode nos colocar em lugares aonde tao em obras pois sou seguranca e eles escolhem os funcionarios e colocam nos perto do po de parede das obras, talvez por causa dos atestados que damos , gostaria de saber pois tenho gravado no meu celular todo esses po de parede na cadeira e nas salas aonde ficamos fios eletricos desencapados lampadas penduradas quase caindo loucas de lavatorios quebrados nos obrigando a ficar ali e tenho gravado no celular tambem eles nos perguntando sob o cid dos atestados e que doenca nos temos temos testemunhas entre nos , gostaria de saber se essas gravacoes no celular o juiz pode considerar como prova. ou nao adianta nada disso agradeco desde ja muito obrigado de novo.

Adenivon Guedes Machado disse...

minha esposa esta retornado da licença maternidade ela solicitou um pedido licença não remunerado mas houve um erro da Prefeitura com data 10 dias e escola orientou para ela pegar um atestado desse 10 dias e possível sem ir para INSS. Parabéns pelo blog

Unknown disse...

Olá! Tdo bem? Minha dúvida é se a empresa pode demitir um funcionário no dia em que ele volta de afastamento médico que durou em torno de 40 dias. O problema é causado por stress e este foi causado a maioria por parte de trabalho mesmo... Pode mandar embora?

CRISTINA disse...

Gostaria de tirar uma dúvida sobre o que está acontecendo comigo. Peguei atestado por motivo de saúde por 14 dias, no 15º dia não fui na empresa trabalhar isso era uma sexta-feira. Ao retorna na segunda-feira trabalhei o dia todo e no final do dia fui á médica do trabalho, que me avalio e fez um atestado para me dar de sexta-feira sem ela ter me visto para completar 15 dias e me mandou para passar na perícia do INSS. Isso pode acontecer???
Estou em casa sem nenhum atestado médico, apta a trabalhar aguardando apenas a perícia do INSS que é para daqui 15 dias, o que faço?
Ela não quer me deixar voltar a trabalhar, quem vai me pagar esses dias que estou em casa?

Muito Obrigado!!!

Gisele Ceccon ... disse...

Olá gostaria de tirar uma dúvida.

Semana passada peguei atestado de 1 dia(segunda-feira), na terça fui trabalhar normalmente. Na quarta peguei atestado de 3 dias,e no sábado peguei atestado de 5 dias. Esses três atestado estão todos com o mesmo cid, mas como ainda não estou recuperada o dr. me deu mais 7 dias, mas colocou outro cid nesse atestado.

Eu quero saber se corro o risco de entrar para a caixa? Pois contando a partir do atestado de 3 dias, dá 15 dias seguidos de atestado.
Eu trabalho de segunda a sábado.
Data dos atestados:
1 dia (22/07/2013)
3 dias (24/07/2013)
5 dias (27/07/2013)
7 dias (01/08/2013)
Mesmo tendo trabalhado na terça dia 23/07, o atestado da segunda pode se juntar com os outros dando no total 16 dias de atestado?

Professora Poliana disse...

Boa noite,

Sou professora contrato no df, sofri uma queda e fraturei uma vértebra da coluna. Estou usando colete ortopédico. O medico queria me afastar do serviço por 3 meses, por ser contrato fiquei com medo e peguei apenas 15 dias. Volto ao medico antes do atestado acabar, acredito q ele vai querer q eu fique os 3 meses de repouso. Minha duvida é: meu contrato acaba em dezembro, eu ficando esse período afastada pelo inss, vai contar na hora da rescisão contratual ou apenas o período que estava em sala de aula?

''ROSANA RICHELLY'' disse...

Eu entrei na empresa no dia 04/02/2013.
Olha eu entreguei a minha carteira a seu Emerson em março para ele assinar como vc sabe eu tive de tira outra pois a que eu tinha ainda não estava dado baixa do meu primeiro trabalho,então logo semanas depois recebi a noticia que eu iria ter que me opera pois estava com cancer no útero então trabalhei lá até dia 13 de abril que foi um dia de sábado me internei dia 16 de abril e a cirurgia foi realizada dia 17 de abril. quando eu tive alta do hospital fui para casa com o atestado de 15 dia liguei para empresa para enforma que assim que dese eu iria levar o atestado assim eu fiz levei um atestado para empresa de 15 dia e a empresa não me pagou até a gora os 15 dia ai retornei para o hospital como vc sabe tive uma complicação no lugar da cirurgia e foi feita uma punção que foi tirada 15 ml de liquido ai ele me deu o Relatório medico para eu me encosta ni INSS e assim eu liguei para empresa para pegar a minha carteira que até hoje não me entregaram e me enformarão que estava na mão do contador assim liguei para o contador e nada do telefone de le atender ai resolvi entra em contato de novo com a empresa que mando eu entra em contato com o contador para saber da minha carteira ai depois eu liguei para o gerente da loja e ele não me atendeu mais ai eu liguei para uma funcionaria da empresa que e pedir a ela o Email do contador para eu poder saber da minha carteira ela me passo o Email e o Telefone, eu mandei o Email para ele foi este

Stefan Foerth disse...

Boa tarde

Tenho uma dúvida.
Estava de férias e faltando 5 dias para acabar sofri um acidente e machuquei o ombro. Foi me dado um atestado no dia do acidente, fui antedido na emergência, porém a empresa não quer aceitar e disse que tenho que "fazer" outro atestado com a data em que retorno de férias, pois o que eu tenho eu foi dado durante as férias. Está certo isso?

Josué disse...

Oi Eduardo, me tira uma duvida, tenho um funcionário que trabalha pela minha imprensa a 5 meses, ele colocou 3 dias de atestado porque estava com uma íngua, o médico solicitou exames e constatou que ele está com HIV, deu mais 7 dias de atestado, ele trabalhou 1 dia e recebeu mais 2 dias de atestado porque está com varias inguas e está com depressão. o que posso fazer? posso demiti-lo por não estar mais conseguindo trabalhar? Obs: Presto serviço para uma empresa a qual não quer mais ele lá e não tenho outro lugar para coloca-lo, por favor me responda URGENTE!

Denna Silva disse...

oi,gostaria de saber se eu só entro no INSS com 15 dias de atestado do mesmo mês?ou o atestado do mês anterior conta(com o mesmo cid)

Michael de souza disse...

Boa tarde Eduardo
Fiz uma mamoplastia no dia 07/08 e a médica me deu um atestado de 30 dias, após 15 dias liguei para o INSS para marcar a perícia médica, e a data mais próxima era 25/09, eu devo retornar ao trabalho no dia 07/09 ou espero dia 25/09 para passar com a perícia médica?

Luh Silva disse...

Tive uma infecção urinaria e isso me rendeu 10 dias de atestado.Por causa disso a empresa quer que eu passe por uma avaliação com um médico da empresa.Isso é correto perante a lei ou estão duvidando do atestado? Obg

Camila Zanetti disse...

boa tarde ,
estou com uma duvida , no dia 15 fui ao dentista e permaneci durante uma 1 , quanto voltei apresentei o atestado mas ela disse que não aceita atestado de dentista , e me perguntou se eu quero repor ou se ela vai descontar de mim . esta certo isso?

Juliana Ribeiro disse...

Boa tarde!Gostaria de um auxílio.Estou de atestado médico por ter realizado uma cirurgia.Nesse período obtive uma proposta de trabalho de outra empresa.Como devo proceder?Posso pedir demissão,estando ainda de atestado médico,ou quando eu retornar ao trabalho?Posso cumprir apenas 15 dias de aviso?Se eu apresentar uma declaração da outra empresa que irá me contratar,eu posso me isentar de ter que cumprir aviso sem perda da remuneração?
No aguardo!
Obrigada!
Att.
Juliana

Aline Backstron disse...

Boa Tarde. Estou agora com 33 semanas, mas quando estava com 30 semanas tive contrações onde meu médico deu atestado de 14 dias e encaminhamento para perícia. Os médicos falam que meu bebê está muito grande e que eu não posso mais trabalhar até nascer porque posso ter um parto pré-maturo. Terei problema com a perícia que já está agendada porque o atestado é de 14 dias? Obrigada!

Ana disse...

Oi boa noite.

Estou de atestado ate dia 10/09/13 acho que vou precisar dr mais dias , e melhor entrar no INSS ou pegar minha folgas acumulada?

Tive um acidente de retorno para casa , foi feiro a CAT , mas so no dia 10 vou ter que retornar ao medico para fazer outros exames e o médico hoje me disse que devo ficar mas três semanas para recuperar meu braço.

O que faco ?

Jane disse...

Estou grávida de 34 semanas e com ameaça de parto prematuro. A médica me deu 15 dias de atestado, voltei a trabalhar por uma semana e depois de novos exames voltei a ficar afastada do trabalho por mais 15 dias para repouso total. Nesse caso, entrarei pelo INSS ou serei remunerada pela empresa? Se tiver que entrar pelo INSS como fica meu salário? O valor é o mesmo?
Obg!
No aguardo.

Lena silva disse...

Boa tarde.
Sou funcionária concursada da prefeitura,
no dia 02/09/13 fui ao medico com uma crise de coluna e o mesmo me deu 10 dias de atestado, porem quando retornei ao meu trabalho,tinha outra pessoa no meu lugar, fui informada a entregar o atestado ao departamento pessoal, dai eu procurei o meu superior e fui informada que era pra eu me apresentar em outra unidade, porém ñ é de minha vontade trocar de trabalho, estou me sentindo prejudicada,gostaria de saber se isso está dentro da lei, já que eu estava com atestado e ñ coloquei minha vaga a disposição???
Sou aux de serviços gerais a 4 anos

Jéssica Gonçalves de Almeida disse...

Boa tarde! estou com 34 semanas de gestaçao, eu iria me afastar do trabalho a partir do dia 01/10 para começar o meu período de licença maternidade. so que no dia 13/09 meu médico me afastou do trabalho por 15 dias. A empresa pode querer usar esses dias paraja me encostar pelo inss como parte da minha licença?

Jheeny disse...

Bom dia estou grávida de trigêmeos até então estou na empresa com uma função um pouco pesada meu medico me deu 15 dias de atestado mais eu ainda restou no meu período de experiência será que eu vou ter carecia no INSS ? Vou fazer 3 meses na empresa dia 1 de outubro agradeço se puder me responde :D

liliane maidana souza disse...

Boa noite, meu esposo passara por um procedimento cirurgico 2 dias apos entrar de férias. Gostaria de saber se as férias dele sera " congela" no período do atestado ou não. Ele gozara das férias sem mesmo estando de atestado.

Lorena Xavier disse...

Boa tarde, estou gestante de 35 semanas e fui afastada por 15 dias a partir do dia 30/09, no entanto poderei ser liberada p o trabalho após este afastamento. Meu parto está provável para dia 27/10. Gostaria de saber se considera licença maternidade desde o dia 30/09? ou a partir do dia 27/10?
Obrigada

jacinilda disse...

meu noivo, sofreu um acidente jogando bola. O colega dele deu uma joelhada na sua barriga e rompeu uma veia sanguínea, teve que fazer uma cirurgia de emergência, a recuperação será de 3 meses. Coo fica no trabalho? Dá para ele se encostar pelo INSS?

Carminha disse...

Boa noite, na empresa que trabalho esta correndo uns comentarios que falta injustificadas e falatas abonadas (atestado medico), o funcionario teria que repor as hiras referentes a essa ausencia, procede essa informaçao?

Antoni Ricardo disse...

Ola amigo eu sofri um acidente de moto saindo do serviço mas o meu patrao esta viajando e nao tem quem faça o meu serviço eu ganhei 15 dias de atestado a minha patroa disse que eu tenho que ir trabalhar se caso eu for trabalhar pode me prejudicar de alguma forma e se caso eu for poderei cobrar separado ?

JESSICA OLIVEIRA disse...

Boa noite,eu trabalho em uma empresa de call center a 4 meses.coloquei um atestado no dia 27/08 de 5 dias,teria que voltar a trabalhar no domingo dia 1 que seria minha escala,quando foi deixar o atestado a própria médica do trabalho falou pra mim que eu so poderia voltar com um atestado médico de retorno ao trabalho.Foi ao médico na segunda feira dia 2 e ele mim deu o retorno pro dia 3/09. Enfim gostaria de saber se esse atestado de retorno pro dia 3, valia como atestado pro dia 2,porque a empresa mim discontou 64 reais e alegou q não valia como atestado pra abonar o meu dia 2. Obrigada

Richard Lirio disse...

quando estou com laudo medico e posso pegar outro atestado?

marciell felipe disse...

Boa tarde!!!
Então eu estive internada onde o medico me deu um atestado de 03 dia no dia 22/09 e posteriormente me mais 3 dias no dia 24/09 e no dia 26/09 ela me deu mais um atestado de 5 dia, porem a empresa colocou falta no dia 1/10, porém a medica disse q era valido ate o dia primeiro afinal qual é a validade certa, dia 30 ou 01?

Joyce Volkmer disse...

Bom dia!
Sou gestante,final de semana passado estive na casa de minha que é em outra cidade, acabei passando mal e o médico me deu 10 dias de atestado.
Porém moro em CTBA,e o atestado é de Toledo/Pr.
A empresa pode recusar este atestado?

Obrigada!

Rosangela Scheel Franca disse...

Boa tarde. Estou afastada e ainda não melhorei fui ao medico novamente e peguei mais um atestado de 30 dias que acabou agora no dia 25, porem no dia 23 fiz um cirurgia que não tem nada a ver com o motivo do afastamento e o medico me deu 15 dias de atestado, e dia 30 agora tenho uma nova pericia, minha duvida e tinha que ter atestado dos 5 dias ate minha pericia? E este atestado devo levar junto no dia da pericia? Por favor me ajude. Desde já agradeço.

maybe souza disse...

boa tarde!
Eduardo gostaria que você me tirasse uma duvida, trabalho para prefeitura municipal com contrato desde 03\2005 e como concursada desde 01\2009 bom , tenho três filhos e sempre q preciso dou atestados,já entrei de licença maternidade á 2anos e 8meses por 6meses minha filha de 9anos sofreu um acidente e eu dei atestado de acompanhamento o mês de agosto todo,minhas colegas ficam dizendo que quando eu precisar me aposentar vou ter que pagar todos os atestados gostaria que você me esclarecesse algo sobre esse assunto. Desde já te agradeço...

Alcinéia disse...

Boa noite...Estou com um duvida, fui ao medico ele me deu atestado, mas estava escrito ESTEVE EM COMSULTA MEDICA.
A empresa me disse que não poderia abonar o dia inteiro e somente tres horas...Isso e certo?..Por favor tire a minha duvida...Obrigada.

marcelo carvalho disse...

Boa noite Eduardo, eu tenho uma empresa de contruçao civil, um dos meus funcionarios foi esfaquiado no bairro ande ele mora, ele me trouxe um atestado de 15 dias legal tudo certinho,no dia que encerrou o prazo ele me trouxe mais um de 30 dias, mas esse atestado foi feito num papel a4 escrita em maos e sem o logo do hospital ou sus, mas tem o crm de um medico e assinatura mas diferente do 1°, como devo proceder nesse caso, mando ele ir ao inss ou peço outro atestado q possua a intituiçao do hospital?

Nay Rios disse...




Realizei uma cirurgia e tive a orientação do médico queprecisava me afastar do trabalho por 30 dias para recuperação, informei que não gostaria de dar entrada em auxílio doença pelo INSS por toda a burocraca enfrentada, então ele me deu 15 dias, e no retorno disse q eu poderia trabalhar dois dias estabelecer o vínculo com a instituição e depois me deu mais 12 dias de atestado, porém em ambos não informou o cid, conforme observei não é obrigatório. A instituição pode se negar a pagar meu salário e entender que devo entrar pelo inss, mesmo sem o CID da doença? O que devo fazer?

Gabriela Moura disse...

Bom dia. Gostei muito do blog e achei o mesmo muito sincero, por isso gostaria que mim tirasse a seguinte dúvida:
Comecei trabalhando numa empresa desde outubro /2011 como estagiária, em fevereiro/2012 fui efetivada. Tirei minhas férias em agosto/2013. Faço parte da CIPA por indicação do proprietário. Pedi demissão, mas aproximadamente uma semana depois do pedido, fiquei doente e estou com atestados, sendo estes de 1 dia + 1 dia + 2 dias + 2 dias + 3 dias. A doença é a mesma mas os atestados por motivos diferentes, pois são por causa dos exames realizados. Gostaria de saber se esses dias impedem no cumprimento do aviso prévio. E quando receber a rescisão receberei algo por ser participante da CIPA?
Desde já agradeço por sua colaboração.

thauada disse...

Boa noite Eduardo...preciso de ajuda urgente.....Fiz uma cirurgia e meu médico me deu um atestado de 20 dias..passado o periodo a advogada da empresa me exigio um atestado de retorno ao trabalho dizendo que estou apta....eu pedi ao médico...repassei para o RH agora ela esta me dizendo que não pode aceitar pois tenho que fazer perícia e somente o inss que pode permitir....esta correto???? Qual o procedimento que tenho que tomar????

shely cunha disse...

BOA TARDE
Sou shelyane.
Uma amiga que trabalha na mesma empresa que eu quebrou o pe e trouxe atestado de 15 dias,depois deste 15 dias ela nao voltou dizendo que ainda estava quebrado ai a empresa agendou uma pericia para janeiro so que nesse meio tempo ela ficou boa e nao voltou a trabalhar nao trouxe laudo e ainda posta fotos no face com salto altissimo ela pode receber justa causa?

«Mais antigas ‹Antigas   201 – 400 de 471   Recentes› Mais recentes»
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens populares